quinta-feira, 30 de outubro de 2008

NAO ESTOU DE VOLTA

Mas calma: sei que meus amigos do peito e meus " muy amigos" estao esperando por meu retorno. Estou de ferias no exterior. So volto a escrever para valer dentro de duas semanas, quando retorno ao Brasil . Quero falar muito sobre a crise economica mundial, mas principalmente sobre a eleicao de Juiz de Fora . Estou ate mesmo escrevendo um livro sobre o tema. Acho que vou publicar o livro na Europa. Tenho "medo" de faze-lo ai. Metade do livro e dedicado ao Custodio e, por isso, ele pode mandar a policia apreender a edicao na grafica!!! Garanto uma coisa: vai ser o "best seller" do ano em Juiz de Fora.

ps. uma leitora me pergunta porque a Radio Panorama vai sair do ar. Resposta: a radio nao e minha e nao houve acordo para renovar o arrendamento. Mas vamos voltar. Aguarde

26 comentários:

Anônimo disse...

Aguardamos com ansiedade,Omar!

Anônimo disse...

CRIME ORGANIZADO VENCE EM JUIZ DE FORA*

* *

Laerte Braga

A incapacidade do PT de perceber as armadilhas postas, resultaram na vitória do crime organizado nas eleições municipais da cidade. Custódio Matos traz consigo as piores quadrilhas que atuam na política. As principais máfias, as que controlam a Saúde, a do lixo e a perspectiva de privatização da CESAMA (COMPANHIA DE SANEAMENTO E MEIO AMBIENTE).

Uma espécie de bejani elevado a uma potência incalculável.

Custódio Matos é o que de pior existe na política. O ser dissimulado. Aquele que mata e depois vai ao enterro da vítima.

O modelo político e econômico, a chamada democracia, é uma falácia para o conjunto de forças populares que luta por transformações sociais profundas. A crise internacional é a demonstração mais clara disso.

Os que acreditam na fantasia vendida pela mídia espetaculosa e moldam suas vidas em função desse grande espetáculo chamado democracia, mais uma vez vão pagar as contas.

Vai ser necessário um trabalho hercúleo da oposição para evitar que a cidade se dissolva no meio do tucanato criminoso e irresponsável, o mesmo que ocupa o estado de Minas num governo em que o governador, se solto numa rua da capital, perde-se.

Por mais que possa parecer ilógico, só à primeira vista a candidatura Margarida Salomão cumpriu o mesmo papel que a candidatura Custódio Matos cumpriu em 1988, quando bejani foi eleito pela primeira vez.

Não passou de um projeto pessoal e que num dado momento distanciou-se de importantes bases históricas do PT para agregar, por exemplo, o bejanismo do “falecido” deputado Gabriel dos Santos Rocha, o Biel.

É claro que a máfia tucana jogou pesado. Todas as máfias jogam pesado. Óbvio que comprou votos à larga. É prática corriqueira dessa gente.

Vai pagar a conta o eleitor que escolheu um bejanismo disfarçado em erudição e doutorados na Inglaterra. Conta que resvala também para quem percebeu e rejeitou essa vitória do crime organizado em forma de partido político, o PSDB.

O primeiro indício de bandidagem ocorreu já no debate final na sede da rede GLOBO, porta voz das principais máfias do País. Foi quando Custódio disse que já está em marcha o processo de licitação para o novo aterro sanitário em Dias Tavares e a privatização do lixo com a provável entrada em cena da Vital Engenharia Ambiental, braço da Queiroz Galvão.

A corrupção em todo esse processo licitatório é grande, total, permeia a FEAM (FUNDAÇÃO ESTADUAL DO MEIO AMBIENTE), é objeto de ação judicial e em várias cidades brasileiras, Belo Horizonte inclusive, contratos semelhantes já foram objeto de anulações preliminares.

Custódio Matos é aquele sujeito que você olha e diz “não acredito” quando toma conhecimento das práticas políticas do deputado e agora prefeito eleito. Essa a diferença fundamental em relação a bejani. O amarelo que sugere ouro é outra coisa completamente diferente.

Chafurda no crime.

O que acontece em Minas onde o governador é coroado pelo Mineirão com títulos vergonhosos vai passar a acontecer em Juiz de Fora. Mal saímos de um estrago e entramos noutro.

Erro do eleitorado? Pode ser dividido. Numa determinada medida produto do marketing dos vendedores de candidatos produtos (o que inclusive derrotou Margarida) e noutra incapacidade a falta de formação/informação do eleitor sobre candidatos e partidos.

A mentira da democracia.

No duro mesmo as instituições estão cada vez mais falidas. E no duro mesmo a perspectiva de futuro inexiste pelo menos a curto prazo.

A turma que faz venceu, pois a turma dos que deixam fazer foi maior.

Isso vale para Juiz de Fora, vale para Minas e vale para o Brasil.

A luta popular não passa por eleições e nem por esse modelo de viadutos, pontes, etc.

A cidade está agora dentro da grande pasta tucana. É tudo ilusão, fotomontagem, aparência, menos as bolas/pessoas que serão encaçapadas no processo de vende tudo.

Tucano é isso.

sopranois disse...

> Pensando bem, acho que foi melhor para a Margarida. eleita, além de governar a cidade ela teria a difícil tarefa de administrar a esperança e o sonho dos eleitores.
> Já o seu oponente passará os próximos quatro anos pagando promessas elas são mais de 80, 20 por ano, quase duas por mês e tudo debaixo da cobrança implacável de pelo menos metade do município.
>
> A vitória política da candidata-Professora foi bem maior do que a apertada derrota eleitoral.
> Só por fazer renascer no jovem a motivação política, ela já seria vitoriosa. Mas além disso, inaugurou uma nova maneira de fazer campanha eleitoral, recuperando valores éticos que pareciam fora de moda como sinceridade, transparência e limpeza, não só material.
>
> Ao comemorar a vitória, o político-candidato tucano falou da tranquilidade do processo eleitoral. Sua campanha, no entanto, não precisava ter apelado para o fascismo, golpes baixos como , pesquisadores falsos e mensagens preconceitusosas, e levianas veiculadas covardemente pela internet , o uso dos falsos pastores , o uso da máquina administrativa-governamental, o derrame de dinheiro, a compra de votos sob a tutela do TRE.
> No debate da Globo, chegou a ser patético, o sorriso cínico e seu mote de "experiência", "quando eu fui prefeito, fiz..."
> chegou a ser patética esta peça de marketing político. Aquele espetáculo de criatura se voltando contra o criador com tamanha fixação só Freud explica ao se referir ao nobre Governador, que vem sendo achincalhado pelo público belo-horizontino ( " Maradona parou porque o Aécio cheira mais do que você"), nas suas aparições no Mineirão, que deixariam envergonhados os mafiosos italianos.
> Com o segundo turno a cidade ficou livre para escolher entre dois candidatos, que a rigor tinham idéias e propostas de governo completamente diferentes.
>
> A diferença era em tudo além da ética ( apenas a Professora assinou o compromisso de transparência, o politico-candidato não assinou) e da atitude. Houve quem tivesse votado no político-candidato não por rejeição à candidata professora, mas por achar o candidato-político " o mais bem preparado" como ele próprio anunciava e agora vai ter que provar.
>
> O candidato-político tem tudo pra fazer um bom governo, e tudo pra fazer um péssimo governo.
> Por um lado, deverá ter que provar o que tanto apregoou - a parceria dos governos estadual e federal- e competência administrativa.
> Por outro lado- E ESSE SERÁ O SEU GRANDE DESAFIO- como vários de seus apoios, alianças e ligações com representantes do lado, digamos, menos nobre da política (DEM, Bejanistas, Tarcisistas, PMDB, PTB, socialistas e os própriosTucanos).
> Como resistir a pressão deles?
> A fatura será apresentada. E essa gente não brinca em serviço.
> O Político-candidato terá que escolher entre continuar uma tradição de governantes que saem do poder para o lixo da História, ou começar uma nova era.
> Na sua primeira aparição como prefeito eleito , apareceu junto ao Governador-bancador, reenfatizando as promessas, essa foi mais uma promessa . Estaremos na vigilância para que sejam cumpridas.
> O que o candidato-político e seu comparsa o Governador-banca, esqueceram e que o mundo passa por uma grande crise internacional. E as promessas ( Hospital, pontes, viadutos, recapeamento das ruas urbanas, nova adutora, nova aterro sanitário terão um custo impagável.
Fernando Benini
>
>

comprovoto disse...

Neste livro, será que vai aparecer alguma coisa "CABELUDA",tipo, aquilo que a gente sempre ouve de uns de outros,relativo ao segundo turno em JF???????

Anônimo disse...

Estamos precisando de uma pessoa que tenha dicernimento aliado ao grande meio de comunicação que tenha competência para nos ajudar a moralizar nossa cidade. Mas uma vez ao abrir o jornal nos deparamos com um absurdo mais um classico caso de abuso de poder , nepotismo e descaramento onde pessoas usam dos seus prestigios para " colocar pela janela " outras pessoas para ocupar cargos publicos . Não só entram pela janela como não passam por um processo de triagem e averigação da vida . Até quando nossa cidade será manchete de corrupção , abuso de poder . Até quando será usado o verdadeiro jeitinho , até quando vão existir pessoas previlegiadas . Sem deixar de citar o nepotismo . Como esse cargo está sendo usado pela senhora Andréa que se diz amiga da excelência senhor Juiz , onde dentro da penintenciaria essa mesma senhora usa do poder de ser amiga amante do Juiz e abusa da autoridade amendontranto quem se encontra lá em recuperação . Será que seremos sempre palco de vexames . Como podem pessoas que ocupam cargos , cadeiras importantes na nossa cidade se prestarem a isso . Omar volte logo e nos ajude

Anônimo disse...

Omar, evidente que o ideal eh voce ganhar dinheiro com seu livro que, certamente, serah um best-seller.

Em ultimo caso, caso haja alguma censura (o que eu acho um crime), vou te dar uma sugestao: disponibilize o livro na internet p/ ser baixado gratuitamente. Os internautas cuidarao de espalhar o conteudo para o mundo inteiro ver.

Dante disse...

Senhor Omar Peres.
Li hoje seu blog que fala à respeito de publicação de um livro
relacionado com o Dep. Custódio Mattos, como tenho enorme interesse
em conhecer e colecionar notícias sobre cidades e personagens de prestígio nas mesmas, gostaria de receber um exemplar.

Anônimo disse...

Não entendo a Justiçã não posicionar a favor da verdade.

Se o seu livro tiver verdades e fatos deve ser editado nos postes como folhetin pro povo.

JF é um poço de mentiras, imcompetencias e enganações e necessita ser passado a limpo, memo que demore algum tempo..... estes Tucaninhos Tipo Layette, Dotinhos tem prazos marcados.

Marrinha.

LÉO PEIXOTO RESPONDE disse...

Opinião que publiquei em meu blog:
www.leopeixotoresponde.blogspot.com

FOI SÓ O OMAR QUE PERDEU COM O FIM DA
PANORAMA FM ?
A notícia que muito se comentou hoje foi o fim da programação da 96.7 como Rádio Panorama FM.
Alguns comemoram mais uma "derrota" do Omar, mas será que foi ele realmente o maior perdedor nesta história toda?
Claro que não!
Como radialista (que não trabalhou nesta emissora), lamento profundamente o excelente mercado que se fecha para os comunicadores da cidade.
A Panorama resgatou uma era que há muito não se via, onde os comunicadores eram amigos dos ouvintes, além de ter recolocado no ar locutores de grande prestígio popular, como o meu querido Márcio Augusto por exemplo.
Isso sem contar que todos os radialistas eram devidamente pagos através de salários e não essa babaquice de ter que vender propaganda pra ter seu programa no ar, como muito vem se fazendo nesta cidade.
Enfim, não sou nada suspeito para lamentar o fima da desta estação de rádio, pois como disse, nunca trabalhei lá e mesmo tendo vários amigos lá dentro, tive pouquíssimo espaço em sua grade.
Só nos resta torcer para que o que vier no lugar dela, também de espaço a nossa classe.

Anônimo disse...

por favor não volte mais, estamos muito bem sem voce. ahahahahah VALEU CUSTÓDIO

Anônimo disse...

Xiiiiiiiiiiii , vai começar tudo de novo !!!

Anônimo disse...

Sr. Omar Peres, boas férias.

Sua afirmação - A UNICA CIDADE DO BRASIL a ter um blog, por motivos políticos, fora do ar - me causou muito espanto, honestamente espero não ser arroubo sensacionalista, e sim mero fruto de falta de informação - que para mim é um pecado em se tratado de proprietário de órgãos de comunicação - ou apenas um equivoco.

Eu ouvi o Senhor dizer em várias ocasiões, principalmente na ex Rádio Panorama (seria o fim do império Panorama como o foi Assis Chateaubriand?) que é alguém que respeita a lei. Correto, a lei é para ser respeitada, seja coerente, estranha, coercitiva, ditatorial ou impopular.

A lei eleitoral brasileira é hipócrita em vários aspectos e ditatoriais em outros, mas é a lei! É a que temos. O fórum adequado para contestá-la é o Congresso Nacional - reforma - ou o Supremo, por meio de uma ADIN, que talvez gere nova jurisprudência, já que nossos juízes superiores estão "tomando" gosto pelo hábito de legislar. Dizer que só em Juiz de Fora aconteceu isto, além de um gigantesco exagero de sua parte soa vitimista e egocentrista. Ao ler a página da Agência do TSE o senhor constatará que somente dos servidores da Google foram retirados cerca de cinco mil blogs anônimos e outros 300 e poucos de autores conhecidos com endereço e razão social, caso em que se encaixa. Detalhe, só no 1º turno.

Nos EUA e Europa e outras democracias modernas qualquer um pode falar de política e se posicionar, inclusive órgãos da imprensa, televisão, rádios, jornais, internet etc. O exemplo mais evidente é o New York Times. A liberdade do cidadão em expressar está acima do próprio cidadão. Claro, quem se expressa tem o ônus de arcar com as possíveis conseqüências de suas manifestações. Danos, a Justiça repara com gordas indenizações. Enquanto na América a candidata a vice de Macain - Sarah Palin - é fonte inesgotável de material para humoristas e humorísticos, aqui, em período eleitoral os programas de televisão não podem fazer humor com política e principalmente com políticos. Quanto material é sonegado ao Casseta e Planeta e de quantas risadas somos privados. Mas é assim nosso sistema, é a Lei senhor Omar Peres, então não se sinta tão único neste aspecto, pois em Fortaleza, Ceará, a justiça eleitoral retirou do ar até blog por engano. O caso Twiter foi manchete em todos os grandes jornais de circulação nacional, obviamente que muito ocupado em sua campanha o senhor não teve conhecimento.

Mas de outro lado, não podemos comparar nossa democracia com a americana, daí, em certa medida entendo o conservadorismo dos legisladores do Código Eleitoral que restringiram - passando por cima da liberdade de expressão - órgãos de imprensa de se posicionarem nas eleições. Provavelmente um freio para proprietários de órgãos de comunicação que não pestanejam em utilizá-los como meras metralhadoras espalhafatosas contra seus adversários políticos.

Sendo assim Sr. Omar Peres, sei que entende que juízes não fazem leis, aplicam – como aplicam é outro debate - e seu blog foi retirado do ar, pois o senhor que fala tanto em respeito à lei, desrespeitou. Ponto! Isto é fato, indiscutível. Se não a tivesse transgredido, obviamente não seria punido.
Paulo

Márcia disse...

Sr. Omar Peres, em primeiro lugar, desejo-lhe boas férias, aliás bem merecidas, depois de todo este desgaste. Aproveite bem e volte com todo animo para dar continuidade a luta, afinal mais da metade da população de Juiz de Fora se incluirmos os votos brancos e nulos das pessoas que se por um lado não quiseram votar no PT, também não foram capazes de votar no Candidato do PSDB, estão contando com você para cuidar bem de perto dos "donos do poder" uma coisa é certa, eles vão ter que andar na linha. Infelizmente nossa cidade foi tomada por politicos inescrupulosos e capazes de qualquer coisa para continuarem com os desmandos e a enriquecer a qualquer preço. Diante disso precisamos de pessoas com sua garra e coragem, para servir de algum obstáculo.
Sobre a saída da Radio Panorama do ar é lamentável, a população de juiz de Fora e região espera que tão logo retorne encontre uma solução, afinal além dos inúmeros serviços e entretenimento que a rádio presta a população é o melhor meio para que sejam cobradas as promessas feitas na campanha pelo Custódio no seu maravilhoso plano de governo fartamente distribuído em forma de cartilhas.
Ps. Fiz um comentário sobre uma postagem do dia 20/10, mas não sei se devido aos problemas eleitoreiros não pude ver se foi publicado, há como resgatar?

Fred disse...

Olá Omar! Não vejo a hora de ler seu livro. Espero que chegue aqui em São Paulo.

Anônimo disse...

Isso ai Omar. Agora o
Custódio vai ter que trabalhar e fazer o que prometeu para o povo de JF, o que eu acho muito difícil de acontecer.

Anônimo disse...

volte...vc é o cara

Anônimo disse...

Senhor Omar,

Lhe escrevi dias atrás, sobre a questão de o Custódio colocar próximo a todas a Zonas Eleitorais, pessoas com camisatas brancas adesivadas, sempre nos mesmos lugares.
Como não pode dar camisetas, encontrou uma forma de burlar a lei e colocou várias pessoas com suas camisas brancas e adesivos em volta das znonas Eleitorais. E a polícia? A tudo viu a nada fez. Tinha até guarda conversando com a turma.
Retorne descansado e renovado para continuar essa luta.
Abraços,
Carlos Magno Borges

Anônimo disse...

Omar estamos aguardando seu retorno e anciosos para ler o seu livro sobre as eleicoes!! Atras disso existe muita sujeira e o povo merece saber!!
Só mais uma coisa: Cada povo tem o governo que merece!!
Valeu Omar você foi de grande importancia nas eleiçoes! Conte sempre com nosso apoio e carinho!
forte abraço!

ely nascimento disse...

Bom dia !!!
Depois da violenta ditadura imposta durante a campanha eleitoral, eu também acho que o Sr. deve mesmo publicar seu livro na Europa, mas mesmo assim deverá tomar muito cuidado com o violento Aécio Neves que mandou e desmandou na justiça eleitoral de nossa cidade...o Sr. com certeza corre o risco de ir para o pau de arara...a democrácia brasileira é uma grande mentira e só não viu isso que não quiz enxergar...infelizmente continuo achando que seu blog não deveria ter filtragens dos comentários, ainda mais quando o cidadão como eu não tem medo de se identificar...infelizmente a maioria se esconde atrás da coverdia do anonimato...um pergunta pra encerrar, e espero que seja respondida !!!!
A Rádio Panorama também foi vitima da violência do PSDB, ou melhor, vitima do Aécio ???
Ely Nascimento Rocha
M-2408559
CPF-51494132672
elynascimento@hotmail.com

OMAR PERES disse...

Prezado Paulo,

Meu blog foi o unico do Brasil a ser censurado durante o periodo eleitoral, decorrente de minhas opinioes politicas sobre o candidato Custodio Mattos. Entendeu a Justica que eu teria ofendido o candidato tucano, fazendo-a tomar a decisao de tirar o blog do ar. Uma pena para a fragil democracia brasileira. Ou seja, a justica legislando sobre a subjetividade da ofensa...

Por outro lado, sabemos que milhares de blogs sairam do ar por exigencia da legislacao eleitoral.

Omar

Anônimo disse...

Omar, mesmo com o seu enorme prestígio e conhecimento, tentaram mesmo calar a sua boca. E, quando vc voltar, se a " prática " continuar a mesma em JF, vc é maior. Utilize outros meios de comunicação mais amplos e de maior alcançe, como a VEJA, IstoÉ e os Jornais dos grandes centros para falar a verdade. O dinheiro pode até comprar a consciência do cidadão comum,que é tão carente de tudo, pode até tentar coibir o direito de expressão( conseguido às custas da morte de tantos),mas não consegue, eu sei, calar Omar Peres.

Anônimo disse...

Omar, a cidade perde com a sua saída da Rádio,tentam te processar bloqueando o seu blog,mas vc conhece outros meios de denúncia. A VEJA, IstoÉ e os jornais dos grandes centro, com certeza te darão espaço!

Anônimo disse...

Senhor Omar Peres.

O senhor continua equivocado em sua afirmação, ou talvez eu não tenha sido muito claro no meu posicionamento. Com certeza eu não fui claro.

Quando disse que a Justiça Eleitoral tirou do ar mais de cinco mil blogs, não estou me referindo daqueles que foram desativados por força do Código Eleitoral, estou me referindo aqueles que foram retirados por liminares e sentenças da justiça eleitoral.

No Rio de Janeiro - que o senhor conhece também - um jornalista de nome Hevaldo Campos teve seu blog - que já existe a três anos - censurado. Foi tirado do ar. Qual crime ele comenteu? Fez uma "piaddinha" com o Gabeira e a maconha. Piadinha que nos fazemos do Gabeira no cotidiano e que estão aí na internet para todos verem. Mas naquele momento não se podia fazer a piada, pois foi um ataque a honra de um candidato mesmo ele já tendo admitido que fumou, e muito. A "piadinha" foi posicionamento que é proibido pela legislação eleitoral. Foi censura? Foi! Outros 300 blogs - segundo o próprio TSE - de pessoas conhecidas, igual ao seu caso, que já tinham blogs a muito tempo no ar, foram retirados por sentenças - não diria iguais - mas idênticas a estas que o senhor apresentou, pelo fato de seus proprietários terem atacado a "honra" de alguém que era candidato naquele momento.

Não está muito bem definido o papel da internet na legislação eleitoral, então, com todo respeito, não se sinta tão especial e tão único, pois o senhor não foi.

Boa férias
Paulo

LUIZ VALLE disse...

Omar!! o Blog esteve fora do ar mas ta ai novamente no ar!!! vamos fazer desse BLOG um lugar de fiscalização, critica e denuncia... não podemos esquecer q infelizmente o povo de JF elegeu um prefeito com um passado bastante condenável, um mensaleiro, que nunca explicou direito o que fez com o dinheiro que recebeu do Marcos Valério, um cara que fez uma campanha suja, jogou baixo, usou a justiça para impedir criticas a ele, quer dizer... temos no poder um cara de carater duvidoso, então temos que ficar de olho!!! chega de "bejanis " em JF... esse Custodio e farinha podre do mesmo saco, então que o BLOG seja nossa arma de denuncia contra o que ele fizer de errado. Sempre alerta a tudo. E que Deus salve JF!!!!!.. tb não podemos contar muito com os vereadores, pois tb a coisa ta feia na camara.... só figurinha perigosa!!!

Anônimo disse...

PREZADO OMAR PERES
PRECISO DE ME COMUNICAR URGENTE MAS ESTOU TENTANDO ENVIAR MENSAGEM E NÃO ESTOU CONSEGUINDO.

Silvana disse...

Olá Omar, e ai, tudo azul?
Estamos esperando janeiro para começar a acontecer os milagres do ANJO 45,JF um imenso canteiro de obras:emprego,saúde,educação,lazer;desenvolvimento e progresso após 06 anos de paralização,ESTAMOS DE OLHO.Agora por favor comente ao que o nosso ilmo.prefeito respondeu ao panorama entrevista do último dia 02.11, com relação a tarifa de transporte urbano:
SERIEDADE.....,,
" E um assunto merece ser discutido por técnicos competentes e entendidos, é um assunto QUE NÃO CABE DEMAGOGIA."
Não podemos esquecer que de acordo com o plano de governo teremos tranporte de qualidade a preço justo;ou será que já vamos começar a pagar a campanha vergonhosa pelo transporte?
Sds,boas férias
Silvana.