sexta-feira, 26 de março de 2010

A IMPORTÂNCIA DA TV DIGITAL PARA JUIZ DE FORA E TODA A MATA MINEIRA

Como anunciei, recebemos hoje das mãos do Ministro Hélio Costa, o Decreto do Governo, autorizando a TV Panorama a transmitir sua programação pelo sistema digital.

O ponto principal dessa outorga não é (somente) a qualidade técnica da imagem e do som. O ponto principal para toda a população da região é a interatividade que permite o sistema digital. Em outras palavras, vamos nos comunicar, diretamente, telespectador e emissora. É isso mesmo ! Todos vão poder ter a possibilidade de dizer o que estão achando, por exemplo, de nossos jornais, dentre outras dezenas de possibiildades.

Mais ainda: a TV Panorama, se quiser, poderá tranmistir por canais exclusivos dedicados a assuntos exclusivos, tais como cultura e educação, levando mais conhecimento à sociedade .

Hoje foi um dia histórico para a TV Panorama, só comparado à inauguração da TV Industrial, a nossa origem. Sinto orgulho de escrever meu nome nessa história.

Parabéns ao Ministro Hélio Costa.

Parabéns aos funcionários da TV Panorama

Parabéns a Juiz de Fora, e toda a Zona da Mata.

45 comentários:

Dr. Barbosa disse...

Da-lhe Omar.
Continue seus esforços para inserir essa cidade "jeca" no primeiro mundo.

JC disse...

Como assim ela teve origem na extinta TV Industrial? A Tv Industrial era canal local, no canal 10, que mais tarde veio a ser ligado a várias outras redes de TV nacionais. Já A Tv Panorama foi inicialmente uma concessão que retransmitia o canal da tv globo do RJ no canal 5, até que a regionalização trouxe o sinal da TV globo de BH e logo em seguida foi criada a filial de JF, nesta época a torre da extinta tv industrial e seu auditório que existem no morro do cristo foram comprados, não é isso? Conta pra gente um pouco da história da Tv Panorama.
Ah! e parabéns pela conquista

QUERO A PANORAMA NA SKY!! disse...

Meu caro Omar Peres, venho dizendo há muito tempo, queremos não só a TV DIGITAL, mas tb a programação da TV PANORAMA na SKY, e outras TV por assinatura que não só na NET TV Cidade. Voce irá ganhar muitos pts. com isso pode crer. Abs. Hoje temos em JF e região, a TV VIA EMBRATEL, TV OI, SKY, citando apenas as mais forte, e é só olhar para as casas da cidade e ver diversas destas antenas espalhadas. Pense nisso com mais carinho...............

Anônimo disse...

Omar, parabens pela dedicação e pelo empreendedorismo. Infelizmente nao votarei no sr. pois tenho compromisso com o Lael.

Rogério de Moraes disse...

O FUTURO CHEGOU!!!!

NÃO SEI POR QUE MAS TENHO CERTESA DE JÁ TER OUVIDO ESSA FRASE ANTES?

AH SIM FOI DURANTE A PRÉ-CAMPANHA PARA PREFEITO DE OMAR PERES.
SIM SENHOR, MESMO SEM TER GANHO, OMAR CONTINUA A TRAZER O DESENVOLVIMENTO PARA ESTA TERRA.

DEVEM ESTAR DE ALMA LAVADA OS 17.606 JUIZFORANOS DE CORAÇÃO E ALMA, QUE VOTARAM NO OMAR E ESTÃO COM A CONCIÊNCIA TRANQUILA DE TER FEITO A ESCOLH CERTA.

E OS IGNORANTES QUE VENDERAM SEU VOTO PRO CUSTDIO E SUA ALMA PRO CAPETA, PRA ELES ISSO NÃO VAI FAZER DIFERENÇA NENHUMA.
POR QUE POR 50 REAIS, VENDERAM SUA CIDADE E A POSSIBILIDADE DE TER ALGUÉM NO COMANDO QUE GERARIA EMPREGOS, POSSIBILITANDO QUE ESTES MORTOS DE FOME, TIVESSEM UMA TV LCD OU PLASMA FULL HD DIGITAL.
RESTA A ELES AGORA, CONTINUAREM VENDO SEUS PROGRAMAS PREDILETOS NAS VELHAS TV ANALÓGICAS, COM SEUS TUBOS GASTOS E IMAGEM DISTORCIDA.
E ISSO É APENAS UMA PARTE DO CASTIGO. POIS O RESTO ESTÁ NA DEGRADAÇÃO TOTAL DA CIDADE, NO EXTERMÍNIO DAS OPORTUNIDADES E NA CORRUPÇÃO E ROUBALHEIURA DESENFREADAS.
E NOS TRES ANOS DE AGRURAS QUE VAMOS TER, COM A PERNICIOSA PRESENÇA DE UM MENTIROSO E MENSALEIRO COMPROVADO NO PODER MUNICIPAL.

OBRIGADO OMAR POR TRAZER PRA ESTE ARRAIAL UM POUCO DE MODERNIDADE.
OBRIGADO POR DIMINUIR TANTO, O PESO DO RETROCESSO QUE SE ABATGE NOS NOSSOS OMBROS.

Anônimo disse...

Ok, tá certo. Parabéns, Omar. Mas quando, efetivamente, o sinal digital será transmitido para a cidade e região? Uberlândia já o tem há um ano. Uberaba e Ituiutaba começam as transmissões digitais até julho. Como são emissoras do mesmo grupo (Rede Integração), já sairam à frente (e muito!) da nossa, perdão, da sua (em parte) Panorama.

Anônimo disse...

São 01h e 07 minutos, estou bêbado Omar e as lagrimas dessem em meus olhos. Tenho apenas 43 anos de idade mais, minha historia com o jornalismo de minha terra começa aos 13 anos.
Meu querido pai sempre contou aos seus 5 filhos a história da televisão de nossa terra e eu sempre ouvi de forma carinhosa tudo o que ele nos contava. O poeta disse em seu versos "minha terra tem palmeiras onde canta o sabia". E eu em verso diria " minha terra tem vocação para a liberdade de imprensa onde os anjos de vozes que sempre buscaram a verdade nunca se calaram"! Aqui se executou a 1ª transmissão de TV da America Latina, promovida por Olavo Bastos, aqui também se transmitiu o primeiro jogo de futebol por um canal de TV na America latina (TUPI X BANGU). Agora a NOSSA TV panorama entra na era digita e peço ao Deus que acredito que nós de uma nova chance de reconstruir a nossa história e tirar da mãos de inescrupulosos políticos o futuro de nosso povo.
Parabéns Omar, parabéns aos que sempre acreditam em JF e obrigado a TV triangulo.

Anônimo disse...

E a Radio Panorama vai voltar ao ar.Precisamos de uma rádio imparcial, para levar aos lares de nossa região, aqueles debates que fizeram tanto sucesso.

AH! VC SABE QUEM É disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Luiz Penna disse...

Liberdade ameaçada

É muito estranho a movimentação do governo federal para defenestrar a liberdade de imprensa da vida do povo brasileiro, que com muito sacrifício histórico conquistou o direito de ter acesso a uma informação mais precisa sobre os fatos apresentados a ele. A era das notícias forjadas nas trincheiras da ditadura acabou. Essa foi uma vitória garantida pelos princípios democráticos, inseridos na Constituição Federal de 1988.
Aliás, neste clima de arrogância “absolutista”, não é somente o Brasil que vive nesta fase negativa de ver ameaçada os seus direitos civis [que deu sustentação política até mesmo para que Luiz Inácio Lula da Silva ocupasse o cargo de presidente da república]. A Venezuela, por exemplo, comandada com o braço forte de Hugo Chaves, criou mecanismos autoritários com o objetivo de eliminar os veículos de comunicação que questione o comportamento do seu chefe de estado. Pelo visto, o hospedeiro doentio do fascismo continua entre nós.
Outra coisa. O homem todo poderoso da Venezuela, chegou ao extremo ao dizer que é preciso “regulamentar” também a internet, para que os inimigos não interfiram em sua “obra”. Isso demonstra insensatez e cria um cenário preocupante, com ares de um fundamentalismo insano.
Aqui, na balada de um petismo que perdeu sua legitimidade ideológica, o que vemos é uma encenação grotesca do governo ao tentar estabelecer medidas [construídas nos bastidores do Planalto] contra a legitimidade dos órgãos de impressa existentes no país. Por sua vez, o ministro Paulo Vannuchi, secretário especial dos direitos humanos, representado a voz do governo, afirma que não há qualquer tentativa de querer regular os meios de comunicação.
Na avaliação de alguns analistas políticos, essa foi um jogada inteligente dos guardiões de Lula para evitar qualquer confronto interno no Congresso Nacional. Foi um recuo tático para acalmar os ânimos do legislativo. Antes disso, as propostas do governo eram consideradas flagrantemente inconstitucionais e contrariava os conceitos nobres da democracia.
Para refrescarmos a memória, é bom lembrar que no primeiro mandato do presidente Lula houve tentativas de intervir nos meios de comunicação através da Ancinav e Conselho Federal de Jornalismo. A idéia foi para o brejo, mas agora surge em uma outra roupagem com o nome de “Programa Nacional de Direitos Humanos”.
Pisando em ovos, o ministro dos Direitos Humanos que estabelecer um debate com a mídia sobre formas de “controle social” as quais, sem restringir a liberdade de expressão, extirpe da imprensa e da produção audiovisual supostas demonstrações de homofobia e racismo.
Paulo Vannuchi esquece que esse debate já ocorre há muito tempo com os meios de comunicação expondo por diversas vezes a posição contrária a qualquer tipo de limitação estatal sobre a circulação de informações e na produção artística, fora aquelas já estabelecidas na Constituição.
Abrir novos canais de discussão é fundamental na evolução social, mas querer impor medidas contrárias aos valores da cidadania, chega a ser um comportamento esdrúxulo. Não merecemos isso.

a mascara caiu, de novo disse...

É impressionante como as pessoas dessa cidade se locupletam.
Depois de comer e beber as custas do Omar tem gente que frequentava esse blog e agora está se vendendo pro lado da desonra e da baixaria.
Parabéns ao palhaço.
ele melhor que ninguém sabe por que lhe são endereçadas essas doces e verdadeiras palavras.

Easy Rider disse...

Sabem o que existe de comum entre o Omar e o Cembranelli?

A VERDADE E A CORAGEM.

Anônimo disse...

PARABNES PELA TV DIGITAL.

APROVEITO A OPORTUNIDADE PARA FALAR QUE MEU FILHO ESTUDA NO COLEGIO PATRUZ ALI PERTO SO CESPORT, AO IR E VOLTAR DA ESCOLA NÃO PODE USAR O PASSEIO DO CESPORT PORQUE A MAIS DE UMA SEMANA TEM UMA ARVORE TOMBADA ALI E ATÉ AGORA NINGUEM VIU O PERIGO QUE OS ALUNOS DA TRES ESCOLAS QUE PASSAM POR ALI CORREM AO TER QUE PASSAR NO MEIO DA RUA JÁ QUE O PASSEIO DO CESPORT ESTÁ INTERDITADO. ALUNOS DO APAE DE TEM DIFICULDADE DE LOCOMOVER COM SUAS CADEIRAS DE RODA TAMBEM ESTÃO PASSANDO PELA RUA. ALO EMPAV A ARVORE CAIU TEM QUE SER RETIRADA POR FAVOR.

Anônimo disse...

Omar Peres,

A operação via TV Digital pela TV Panorama, não deveria ser considerado como uma grande conquista. O Ilustre candidato a Deputado Federal sabe que é uma evolução tecnológica que para o seu negócio na àrea de comunicações tem que ser implementado, caso contrário perde mercado e credibilidade...Portanto, é uma implementação/evolução com o objetivo meramente empresarial.

Nos EUA, as redes de TV simplesmente informam que apartir do dia tal, a transmissão passa a ser Digital em HD. E só...E fim...Não é uma conquista importante e sim uma necessidade empresarial.

Só falta agora o Ilustre Político organizar uma CARREATA com banda de música, com a Isabeltia dos Patins, em homenagem ao início da TV Digital em JF pela TV Panorama, lógicamente na frente da carreata os convidaos de honra Hélio Costa abraçado no amigo...

Por favor, separe decisões empresariais das necessitades políticas pois estas sim são de interêsse da nossa sociedade...

Ismael disse...

HDTV antes da Copa ?

Anônimo disse...

Em 18 de Setembro de 1955 foi realizada a PRIMEIRA TRANSMISSÃO EXTERNA com a exibição do jogo entre Santos e Palmeiras, na Vila Belmiro.(http://www.tudosobretv.com.br/histortv/tv50.htm)

Ainda com fonte do mesmo site, a Televisão no Brasil tem sua pré-estréia no dia 3 de Abril de 1950 com a apresentação de FREI JOSÉ MAJICA, padre cantor mexicano. As imagens NÃO ULTRAPASSAM o saguão dos Diários Associados na Rua 7 de Abril em São Paulo, onde há alguns aparelhos de TV instalados.

...mas DEPOIS ENCONTREI ISSO NO (http://pt.wikipedia.org/wiki/Olavo_Bastos_Freire)

OLAVO BASTOS Freire foi um operador de câmera brasileiro promovendo a primeira transmissão de televisão do Brasil em 28 de setembro de 1948, em Juiz de Fora, MG. Na ocasião fez a transmissão, ante várias testemunhas, de um jogo de futebol, entre o time local, Tupi, e o Bangu, do Rio de Janeiro. Os equipamentos utilizados foram criados pelo próprio Olavo Bastos Freire.

QUE BIRITA É ESSA? ME DÁ UM GÓLE...

COMO PODE UMA CIDADE TÃO VANGUARDISTA, PIONEIRA E ETC SER ADMINISTRADA POR RATOS QUE NÃO TEM LUGAR NOS FÉTIDOS ESGOTOS DA CIDADE?

JUIZ DE FORA É ISSO...

EU AMO JUIZ DE FORA!!!!!!

JC disse...

Teve um anonimo que perguntou pela radi panorama! Aproveita para incluir na sua resposta como e onde está o Márcio Algusto, responsável com certeza por boa parte da audiencia de sua emissora. Sempre acompanhei seus programas em todas as radios onde trabalhou, e de repente sumiu. Soube que por problema de saude, mas é preciso dar apoio em momentos dificeis.

Señor Flores disse...

Caro Omar Peres,

Li ontem na sua coluna no JF Hoje sobre engarrafamento na rua Olegávio Maciel. Hoje, na Tribuna de Minas, sobre engarrafamento na rua Espírito Santo. Uma observação interessante se faz quanto a inversão da mão da rua Rei Alberto realizada no final do mandato Bejani/J. E. Araujo. Inversão esta que, agrava o fluxo da região, vez que, temos Rei Alberto, Oscar Vidal trabalhando no mesmo sentido, tendo como mão inversa apenas a Espírito Santo, que serve a quem vem da Olegário, Independência, Oscar Vidal e Rei Alberto. Sugiro que a Rei Alberto volte a ter a mão original sentido Santo Antônio - Rio Branco. Essa rua praticamente não tem trânsito, quando poderia etsar desafogando a Espírito Santo. Aliás, ela era movimentada quando obedecia esse sentido, parece até que quem mudou quis beneficiar os moradores da mesma, e não a população de maneira geral.

Obrigado.

Anônimo disse...

Sinceramente,a melhor maneira de sobreviver no Brasil,principalmente em JF,e literalmente não levando nada a serio.Vivemos num circo,e nosso papael e o de palhaço.Como pode ter pessoas que aprovam invasões de terras particulares?Onde esta o direito a propiedade privada?Imagina vc chegar em casa,e der de cara com um monte de gente em sua sala,quarto,cozinha,etc?O MST nunca cumpriu com seu objetivo,que era assentar familias humildes e miseraveis,e com o pedaço de terra doado,cultivar e promover seu propio sustento.O MST virou uma quadrilha organizada,onde as terras confiscadas,são loteadas e vendidas.Seus lideres estão acima do bem e do mal.Tudo isso com a proteção do PT.Logico,desde que as terras invadidas não seja do Genuino,Zé Dirceu,Lula,M.Valerio,Delubio,e cia.O Brasil e isso.Ser honesro aqui e ser otario,e ser safado,ladrão,mal carater e ser esperto,inteligente.O povão ama os espertos.Mal sabem eles,do alto de sua ignorancia,que os unicos prejudicados são exatamente eles,que precisam de todos os serviços prestados pelo governo.Ja viu rico ou classe media em fila do sus?

Anônimo disse...

Sinceramente,a melhor maneira de sobreviver no Brasil,principalmente em JF,e literalmente não levando nada a serio.Vivemos num circo,e nosso papael e o de palhaço.Como pode ter pessoas que aprovam invasões de terras particulares?Onde esta o direito a propiedade privada?Imagina vc chegar em casa,e der de cara com um monte de gente em sua sala,quarto,cozinha,etc?O MST nunca cumpriu com seu objetivo,que era assentar familias humildes e miseraveis,e com o pedaço de terra doado,cultivar e promover seu propio sustento.O MST virou uma quadrilha organizada,onde as terras confiscadas,são loteadas e vendidas.Seus lideres estão acima do bem e do mal.Tudo isso com a proteção do PT.Logico,desde que as terras invadidas não seja do Genuino,Zé Dirceu,Lula,M.Valerio,Delubio,e cia.O Brasil e isso.Ser honesro aqui e ser otario,e ser safado,ladrão,mal carater e ser esperto,inteligente.O povão ama os espertos.Mal sabem eles,do alto de sua ignorancia,que os unicos prejudicados são exatamente eles,que precisam de todos os serviços prestados pelo governo.Ja viu rico ou classe media em fila do sus?

Anônimo disse...

Quanto será que a Queiroz Galvão vai ganhar pra administrar o lixão que virou a Cidade de Juiz de Fora?Agora dá pra entender pq a cidade está tão suja!

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
JC disse...

Para não perder o costume, vamos falar de lixo.
Acompanhem a entrevista do escritor italiano Roberto Saviano, que está jurado de morte pela máfia napolitana por ter escrito o livro "gomorra", que conta os segredos da máfia italiana pelos links da globo news que segue: http://globonews.globo.com/Jornalismo/GN/0,,MUL1540879-17665-314,00.html e http://globonews.globo.com/Jornalismo/GN/0,,MUL1531068-17665-314,00.html
Nesta entrevista ele comenta como a máfia utiliza o lixo das cidades italianas que são depositados em no aterro de Nápolis, (alguma semelhança?) para "lavar dinheiro" ilegal. Parece que estão fazendo escola em MG.

Anônimo disse...

Omar , A descentralização e esvaziamento da area central de Juiz de Fora necessita de um projeto urgente.

Vc que possui ótimas ideias pode ajudar JF.

Na minha modesta opinião, a INTERNET 3G em todo o municipio permitiria realizarmos virtualmente muitas atividades, que hoje necessitam de movimentação à area central congestionada da cidade.

Saudações e até a Vitória.

^^^PEDE A AJUDA DO HC NO PROJETO
3G PARA TODO O MUNICIO E PARA A MINHA QUERIDA Caete, onde as escolas não possuem Internet ^^.

Anônimo disse...

Governo dá ultimato para Mercedez --Governo fará revisão do contrato de beneficios com a Mercedez - Governo fará Mercedez cumprir contratos.

Minas é o estado na qual um imenso numero de Empresas assinaram contratos de compromissos, sem demonstrar reciprocidade; Exemplo: Mercedez. Onde está o órgão responsavel por auditar os contratos assumidos por estas empresas ( CADE, ETC) ? O Exemplo da Mercedez em JF é um dos mais escandalosos; pois a empresa usufruiu de beneficios sem contrapartidas para o Governo, Municiopio, etc.

Enquanto tivernos esta conselhos Patronal e FIEMG não representativos e um govermo sem iniciativas, muitas empresas gozaram de beneficios pagos pelo povo.

Em qualquer outro pais , estas empresas poderiam ser processadas por DUMPING DE INTENÇÕES OU NÃO CUMPRIMENTOS DE CONTRATOS.

De fato, por muitos motivos e fatos, JF não dá mostra tangivel de ter uma Montadora ? Pois, em Minas só existe a FIAT as outras gozaram de direitos e não realizaram seus deveres.

Clovis Oliveira , ex mercedez

=== Piada JF ter um presidente de FIEMG secretario de desenvolvimento tipo Nerso ===

Anônimo disse...

Pelo editar do tal de Senhor Montenegro no Jornal TM do último sabado existe na PMJF liberação de ALVARAS ilegais para Bares e Restaurantes do Bairro Alto dos Passos ?

De forma velada o Senhor Montenegro afirmou o acima dito, ou sou um analfabeto ?

Anônimo disse...

Juiz de Fora, virou cidade dos sonhos.
Olha o que está estampado no jornal TM de hoje, estão querendo acabar com a Praça do Riachuelo.
Será que houve um amplo debate na sociedade organizada sobre o assunto e consultaram as forças armadas, já que no local tem um monumento em homenagem as três armas e ao expedicionário. É uma área verde no centro, local de grandes manifestações populares e políticas históricas.
Querem no sonho, construir no local corredores de transito, como nos sonhos construiram o hospital,os viadutos, pontes e mergulhões, empresas de grande porte.
Gostaria de acordar e ver alguma realidade, e não um absurdo desse.
A agenda JF, a AMA , o Clube dos Engenheiros e outras entidades, aprovaram essa idéia.

No futuro teremos empresas engarrafando e vendendo o ar que respiramos, porque em nome do progresso, destruímos o nosso verde.
Acho que tem muita gente que adora o cinza e destesta o verde.

J.Carlos Pereira de Sá disse...

O sr. Luiz Penna volta a nos incomodar com suas idéias pré-iluministas, que não podem ficar sem resposta.
Não sou propriamente um defensor do governo federal, mas não há qualquer ameaça identificável à mídia nos últimos 7 anos promovida pelo governo Lula. Pelo contrário, veículos como Veja, Globo, Estado de SP e, particularmente, a Folha de SP teem atacado seu governo e seus ministros de uma forma totalmente incivilizada, com ofensas, calúnias, difamações, mentiras e nada acontece com nenhum desses órgãos da mídia, chamados também, em seu conjunto, de PiG (Partido da Imprensa Golpista). Se estivesse no lugar do Presidente, já os teria acionado na justiça há muito tempo. Também não existem mais “mentiras forjadas”, pois hoje, felizmente, podemos conferir se as notícias são fabricadas ou não, pelos portais da internet no noticiário nacional e internacional.
Não tem havido ao longo dos últimos anos nenhuma ameaça aos direitos civis, sendo que a 'ocupação' (sic) do cargo de Presidente por Lula se deu por ELEIÇÃO DIRETA por 4 vezes (2 eleições com 2 turnos cada uma) e não por nomeação, como ocorreu na Ditadura Militar de 64, p. exemplo, e com José Sarney.
A Venezuela, citada pelo missivista, é outro exemplo de democracia ampla, sendo que o Presidente Hugo Chávez é considerado um recordista mundial em submissão a eleições diretas. O clima é tão livre para a mídia na Venezuela que em 2002 o dono do canal de TV com maior alcance (Televisión), liderou um golpe de Estado que depôs o Presidente Chávez, logo restituído ao seu legítimo lugar pelo Exército Venezuelano.
Quanto à “regulamentação da internet”, isso houve aqui no Brasil, só que partida de opositores do governo federal, os senadores Marco Maciel (ex-Arena, ex-PDS, ex-PFL, agora DEM) e o corrupto Eduardo Azeredo, denunciado ao STF (Processo em curso) pela criação do mensalão, financiado por Daniel Dantas e executado por Marcus Valério.
Quanto ao Programa Nacional de Direitos Humanos, essencial principalmente para que os assassinos da Ditadura Militar sejam exemplarmente julgados e os culpados condenados, é uma evolução da primeira versão editada ainda no governo FHC, este sim um Programa fundamental para que os Direitos Civis e a Democracia sejam garantidos na sua integridade, o que não ocorre hoje com a legislação vigente toda voltada para a prisão e condenação de “ladrões de galinha”, enquanto banqueiros-bandidos deitam e rolam impunemente, como é o caso do principal financiador do PSDB, o banqueiro Daniel Dantas (protegido de um ministro do STF) já condenado em 1ª instância pela Justiça Federal de S.Paulo. Como bem disse George Santayanna “quem não se lembra de seu passado, acaba condenado a revivê-lo”. É o que, lamentavelmente, nos acontecerá a menos que os homicidas de 64 sejam condenados pelos seus hediondos crimes. Nunca é demais recordar que os que combateram o regime militar de 64 já foram julgados (cerca de 17 mil), sendo 10 mil absolvidos e 7 mil “condenados”.

Anônimo disse...

Juiz de Fora, virou cidade dos sonhos.
Olha o que está estampado no jornal TM de hoje, estão querendo acabar com a Praça do Riachuelo.
Será que houve um amplo debate na sociedade organizada sobre o assunto e consultaram as forças armadas, já que no local tem um monumento em homenagem as três armas e ao expedicionário. É uma área verde no centro, local de grandes manifestações populares e políticas históricas.
Querem no sonho, construir no local corredores de transito, como nos sonhos construiram o hospital,os viadutos, pontes e mergulhões, empresas de grande porte.
Gostaria de acordar e ver alguma realidade, e não um absurdo desse.
A agenda JF, a AMA , o Clube dos Engenheiros e outras entidades, aprovaram essa idéia.

No futuro teremos empresas engarrafando e vendendo o ar que respiramos, porque em nome do progresso, destruímos o nosso verde.
Acho que tem muita gente que adora o cinza e destesta o verde.

Eurico Moura disse...

SÓ UM DESABAFO... preciso!

Hoje, ao acordar, liguei a TV, Esporte Espetacular. Naquele momento, uma entrevista com o jogador, Lorena. Sua trajetória etc.
Minha surpresa, está jogando no time de voley de Montes Claros.
Logo vem meu velho e constante questionamento: E Juiz de Fora... sempre, fora, atrasada em tudo e por aí afora. Até quando?
Eu diria, SEM PREVISÃO.
É uma caracteristica.
A cidade adormece e quando tenta sair da sonolencia, por incompetencia, falta de empreendedorismo, vergonha na cara, provincianismo, volta a dormir.
É IMPRESSIONANTE!
Li ontem sobre a extinção da praça do Riachuelo. É um praça, tradicional, mas que na verdade, tem sido como as outras poucas na cidade, utilizada para esconderijo, abrigo de tudo quanto é tipo de gente, coibindo seu uso e as tornando perigosas, etc etc etc.
Pergunto: Vai surgir algum movimento ecologico?
Qualquer mudança na cidade logo surgem os especialistas... vou aguardar.

Me incomoda, irrita, essas estorias que não mudam.
É só ti ti ti e pouca ação (lembrei do prefeito anterior)

POBRE JUIZ DE FORA, LITERALMENTE.

Fico a me perguntar, porque me incomodar com isso!? Mas confesso, não consigo, apesar de lutar muito.
E a tal historia do sinal de celular no Expominas.
VERGONHA, INCOMPETENCIA e a tal mania de dizerem na cidade, que está localizado onde "judas perdeu as botas".
Postura, provinciana, aliás, numa postagem na TM, alguem reforça o que sempre digo.
Cinco reais em JF, pode causar morte, polemica e por aí afora. Ohhhh mentalidade e cidade dificil, sô!!!!

Como diz o humorista "ceguinho", muito simpático, " éh mui dificiu".

O NOVO EM JUIZ DE FORA, JA SE TORNOU VELHO EM OUTRAS CIDADES.

UMA CIDADE QUE NAO TEM ESPORTE, BASE ALGUMA, VAI SEDIAR UM EVENTO PANAMERICANO.

É TANTA PASMACEIRA, QUE PARA COLOCA-LA NUM RITMO DE RECUPERAÇÃO, SERÁ NECESSARIO UM CHOQUE VIOLENTO E UM TRABALHO PSIQUIÁTRICO,PSICOLOGICO FIRME.

luis disse...

Mais uma notícia envolvendo a administração municipal.Como SEMPRE , TUDO no verbo futuro!!

"Centro TERÁ mudança
radical no trânsito
Os principais corredores de tráfego de Juiz de Fora,
formados pelas avenidas Rio Branco, Getúlio Vargas, Andradas
e Independência, SERÃO afetados pelo novo projeto urbano-viário. Além destas vias, o projeto, divulgado com exclusividade pela Tribuna, PROMETE SER revolucionário, atingindo toda a área central para tentar combater a sobrecarga no trânsito e a saturação
das vias e melhorar as condições para os pedestres e o transporte público"

luis disse...

OUTRO FUTURO:

"Aécio corre para
alavancar Zona da Mata
Quando desembarcar em JF, às 9h
de amanhã, na sua última viagem como governador, Aécio Neves (PSDB) VAI ANUNCIAR o maior pacote de obras e investimentos do seu Governo para a Zona da Mata. SERÃO
R$ 42 milhões para construção do Hospital de Urgência e Emergência e R$ 66 milhões para intervenções viárias.

Anônimo disse...

ATENÇÃO MORADORES DO SANTA CANDIDA, ONDE ESTÁ O TAL GENÉSIO QUE NÃO VE A QUANTAS ANDA A RUA ALTIVO CINTRA, SE VOCE NÃO CONHECE A TAL RUA VÁ RÁPIDO PORQUE ELA ESTÁ MORRENDO, ESTÁ ACABADA, CHEIA DE BURACOS, CHEIA DE LIXO, CHEIA DE RATOS ENFIM ESTÁ NAS ÚLTIMAS.

Anônimo disse...

Para os que acham que JF tornou-se uma cidade "jeca" é bom dizer que JF era chamada de Manchester Mineira, Atenas Mineira e onde funcionou a primeira usina hidrelétrica da América Latina, quando a cidade era governada pelos juizforanos.

Infelizmente, com o esvaziamento econômico do Sudeste Mineiro, JF passou a ser destino das mais toscas figuras que aqui aportaram para o que desse e viesse, moral ou imoral, legal ou ilegal e assim por diante. Reconhecento que, em alguns casos, a migração trouxe pessoas de valor intelectual e artístico.

Estes migrantes estão na base do salve-se quem puder e geraram os bejanis e custódios da vida, cercados de cúmplices igualmente desqualificados.
Hoje em dia quase não se vê mais juizforanos da gema, aqueles que eram vereadores sem nenhuma remuneração, aqueles que criaram a UFJF, os Institutos de Ciências e de Letras, a Academia de Comércio, a Bernardo Mascarenhas, o Museu Mariano Procópio, associações culturais, conservatórios de música, sindicatos autênticos e aguerridos, partidos políticos de verdade e muito, muito mais. Essa era a JF dos verdadeiros juizforanos e não essa cidade de "jecas" que vemos hoje.

Eurico Moura disse...

Abri o portal da Acessa.com, pois delirei ver algo por volta de 9:15 hs sobre o jogo em JF. Doce ilusão, é outra atraso na cidade. Não ha nada com informaçoes dela, online. So depois que acabar os jogos ou jogo no Rio.
Mas o que encontrei. Manchete sobre abaixo assinado para interromper a construção da BR-440, antiga via São Pedro.
Realmente, é muito complicado o perfil da cidade. Como pode meu Deus!? E ainda por cima, interromper uma obra desse porte, a esta altura!? So mesmo em JF.
SINCERAMENTE, AS VEZES PENSO SE SOU EU QUE NÃO "BATO BEM", OU ESSA CIDADE TEM UM PESSOAL, SEI LÁ... OBTUSO! Não é possivel!

Eurico Moura disse...

Mais uma, preciso desobstruir o peito, hoje ta difícil, depois de alguns dias sem tomar conhecimento do dia a dia da city.
Dias atras, me pediram daí, logico, poderiam ter pedido sei lá, em Treis
Rios, sei lá, mas como estou aqui...
Um determinado material para construção, fabricado por empresa de renome nacional e, a pessoa, estava indignada, dizendo para mim.
"esta cidade, vc procura e não encontra em lugar algum".
Mas disse uma palavra que não quero repeti-la aqui, se referindo a cidade, MERDA.
Comprei no dia e despachei para a capital da Zona da Mata.
Fiquei pensando e me questionando:
"e voce continua pensando em morar lá?!". Não que seja o fim do mundo. Lógico não é. É uma cidade boa, mas, MUITO limitada para o que PODERIA SER. Hoje diria um bairro, para não dizer suburbio do Rio. Tem quase tudo, nem precisa ir lá.
Principio do ano, precisei alugar uma maquina de lavar calçada. E pra conseguir. No telefone, te atendem, de uma forma que parecem estar dormindo. Como se quem tivesse ligando fosse conhecido.
Voce pergunta onde fica localizada, uma referencia e acham, se saber, que voce é da cidade, aqulea coisa provinciana, sabe! E quando se parte para compra, é só um lugar, ou então te dizem, pode ser que vc enconte na casa X, dessa nacionais.
Aqui, escolho marca, tipo, e posso pesquiar em diversas casas especializadas.
Por isso um amigo juizforano, radicado em Brasilia, quando por aqui esteve de passagem, disse-me:
Voce tem razão!
Isso me deixa, decepcionado, frustrado.
E poderia ficar aqui dando mil exemplos... mas, por enquanto, aliviei o peito.
MINHA, POBRE JF, POBRE.
Não consigo admitir, o por que dessa diferença. Uma cidade com 160 anos, na condição geografica em que está e outra, com 63, distante, mas na verdade, situada ao sul do país, mas perto, pelo meios plenos de transporte terrestres e aéreos, com qualidade. Ninguem RECLAMA DE COISA ALGUMA, talvez, somente eu, mas por querer compara-las e não admitir essa sonolenta condição da que me toca o coração.
CHEGA

dimasflores disse...

O comentário de 28 de março de 2010 18:18 exprime exatamente o que eu penso sobre nossa cidade.

JF virou terra de oportunistas.

Não é uma crítica bairrista aos que vêm de fora, muitos amigos meus vieram, mas boa parte dos migrantes não adotam a nova cidade como sua, apenas tira proveito. Seu carinho ficou em sua terra. Falta gente desta terra, juizforano, logo falta zelo e amor pelo que é nosso.

A história é rica em exemplos, colônias de exploração são sugadas e não se constroi ali um lugar para se viver. Guardando as proporções, este é o nosso caso.

O investimento em universidades polarizou a região em torno de JF e isso é ruim. O ideal é todos terem acesso ao curso superior em suas micro regiões. Conclusão, recebemos milhares de alunos novos todos os anos, boa parte de fora, e formamos outros milhares que superlotam o mercado de trabalho, gerando um grande número de desempregados e dependentes de sub empregos, tirando essas vagas da população de baixa renda que, por falta de opção acaba descambando para a criminalidade. Tudo isso pelo quê? Movimentar o mercado esdrúxulo de kitnetes, construções medonhas que enfeiam a cidade, derrubam prédios antigos, e são usados para explorar as famílias desses estudantes que pagam altos valores para morar numa caixa.
Trocamos a indústria por faculdades, ao invés de produzir riquezas concentramos jovens (que geram criminalidade com grande consumo de drogas), não movimentam dinheiro, não têm espaço no mercado de trabalhos, e temos que virar migrantes na cidade alheia porque não dá mais prá viver na nossa.

Anônimo disse...

Exato e preciso o comentário do anônimo de “27 de março de 2010 11:04”, ao registrar que “a operação, via TV Digital, pela TV Panorama, não deveria ser considerada como uma grande conquista. O Ilustre candidato a Deputado Federal sabe que é uma evolução tecnológica que para o seu negócio na área de comunicações tem que ser implementada, caso contrário perde mercado e credibilidade. Portanto, é uma implementação/evolução com o objetivo meramente empresarial”.

Ao mesmo tempo, cito o desabafo de Eurico Moura (em 28 de março de 2010 13:27), afirmando ser “Juiz de Fora... sempre, fora, atrasada em tudo e por aí afora”.

Concordo, Eurico. Até mesmo quanto ao atraso no qual Juiz de Fora recebe o sinal digital em transmissões de TV. Até a data presente data, mais de um ano depois de Uberlândia, e, ainda, após as cidades e Uberaba e Ituiutaba, não obstante a Panorama integrar o mesmo grupo, Rede Integração.

Nem assim, o referido empresário das comunicações conseguiu antecipar o que ele vê como “empreendedorismo” (pra mim, tardio; muito tardio, pra quem apregoa soluções de progresso para nossa cidade).

E permita-me, Eurico, fazer minhas as suas palavras, para encerrar este post: pobre Juiz de Fora. Literalmente.

dimasflores disse...

A respeito das obras de reestruturação do trânsito e recuperação de vias de JF que será lançado pela PJF, observei que algo muito importante está sendo ignorado pela atrapalhada administração municipal. A ÁGUA.

Muitas vias estão afundando em função do desgaste das adutoras de água que passam sob o asfalto. A rua João Pinheiro, esquina com Paula Lima está afundando. Jogam asfalto em cima e fingem que tá resolvido, mas afunda de novo. O mesmo acontece com a Oswaldo Aranha e Francisco Brandi, e muitas outras.
Pergunto, vão esperar acabar a água, o esgoto invadir as casas para tomar providência? Vão asfaltar tudo ignorando o problema estrutural dessas vias? Vão asfaltar para quebrar tudo depois?

Tenho visto muitos ratos pelas ruas de JF. Algo fora do comum. Pode ser consequência desse rompimento de manilhas. Pode ser também que o rato já não sabe mais onde é rua onde é esgoto de tão feia e mal cuidada que está nossa cidade.

Anônimo disse...

Será que entendi bem : IRÃO ACABAR COM O LARGO DO RIACHUELO ?

Será que o planejamento urbano de JF está como do louco, que realizava operações no rosto com Gillete ( caso da decada de 70).

MUITA IMCOMPETENCIA POR METRO QUADRADO NESTA CIDADE !

Anônimo disse...

Largo do Riachuelo já devia ter sido riscado do mapa faz tempo.

Anônimo disse...

Será que agora com a TV DIGITAL, o telespectador poderá opnar e ser atendito na programação??? Ninguém aguenta ver o "globo esporte de belzonte", ver jogos do campeonato mineiro. Ou sería campeonato bh? Vivenmos em uma região que torce para times do Rio, queremos jogos e noticiários sobre nossos times e não daquela panela de Bh.
Parabéns à Panorama e à vc Omar, pois sem você falando as verdades e precionando, este governador de MG (ou sería governador de bh??) jamais faría algo para nossa Juiz de Fora.

Anônimo disse...

O amigo que quer ver jogos do Rio em JF,tem todo o direito.Mas não e todo mundo que pensa igual.Queremos ver e ter um Tupi forte,jogando de igual para igual contra os da capital.mas para isso precisamos de uma boa administração e de alguem forte dentro da FMF.Ontem deu vontade de invadir o campo e dar porrada naquele juiz ladrão.Quando o reporter perguntou ao Aureo Fortuna que providencia o presidente do Tupi iria tomar contra a aberração que foi aquela palhaçada feita pelo trio de safados,o glorioso presidente respondeu que NADA.Não adianta,porque nunca adiantou.Resumindo esse Aureo e um banana.Caro Omar Peres,sua eleição para deputado e quase certa( a gente so tem certeza quando o juiz apita o final do jogo,não é?),mas isso não impede de voce ser presidente do Tupi.E o seu irmão diretor de futebol.Queria ver se o Marcelo Peres estivesse em campo,se o juiz não ia se borrar todo.Sei que vc e um amante do Tupi,igual a muitos carijos espalhados pela nossa cidade.Volta para o Tupi,para por ordem na casa,e transformar nosso Galo,em Galo de briga.Porque do jeito que essa administração e amarelona,estão transformando nosso Galo numa galinha.

Luiz Penna disse...

O senhor J. Carlos Pereira de Sá, na sua formalidade cultural, nos faz refletir como o simulacro ocupa e nos cega para vermos o mundo como ele é. Mas vou aqui, com a minhas ideias pré-iluministas,recordar o livro "O Brasil: território e sociedade no início do século XXI”, última obra do geografo Milton Santos, escrita com a professora María Laura Silveira, Nele há uma busca em redefinir o país a partir do seu território, diante da globalização e sua relação entre terra e gente.
“O Brasil, pelas suas condições particulares desde meados do século 20, é um dos países onde essa famosa indústria cultural deixou raízes mais fundas e por isso mesmo é um daqueles onde ela, já solidamente instalada e agindo em lugar da cultura nacional, vem produzindo estragos de monta. Tudo, ou quase, tornou-se objeto de manipulação bem azeitada, embora nem sempre bem-sucedida. O Brasil sempre ofereceu, a si mesmo e ao mundo, as expressões de sua cultura profunda através do talento dos seus pintores e músicos e poetas, como de seus arquitetos e escritores, mas também dos seus homens de ciência, na medicina, nas engenharias, no direito, nas ciências sociais”.
Se o país consegue grandes feitos, na produção de talentos humanos, onde está o erro por ele possuir tantas desigualdades sociais? Não adianta falarmos em globalização ou força estatal, sem antes criarmos um escudo de proteção para os movimentos sociais e para a cidadania na sua busca pelo bem-viver. Há muitos outros talentos a serem descobertos. E as mentiras são forjadas por aí, como o PAC 1, PAC 2. O senhor J. Carlos Pereira de Sá, caso seja o seu verdadeiro nome, é um adepto da publicidade. Nega completamente os fatos.

Weyder disse...

Meu caro Omar Peres, venho dizendo há muito tempo, queremos não só a TV DIGITAL, mas tb a programação da TV PANORAMA na SKY, e outras TV por assinatura que não só na NET TV Cidade. Voce irá ganhar muitos pts. com isso pode crer. Abs. Hoje temos em JF e região, a TV VIA EMBRATEL, TV OI, SKY, citando apenas as mais forte, e é só olhar para as casas da cidade e ver diversas destas antenas espalhadas. Pense nisso com mais carinho...........