segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

É HORA DE DIZER ADEUS - II

No plano da politica nacional, assistimos nos últimos oito anos, durante o governo Lula, os mais deprimentes exemplos de desrespeito com a população, com nossos "líderes" esbanjando autoritarismo e praticando o mais torpe exemplo da utilização do poder: cinismo ! O poder executivo não serve ao povo. Suas elites, dele se servem.

Cinismo com a negação do mensalão; cinismo da base politica do governo, liderada por Renan Calheiros, Sarney etc.; cinismo pelo dinheiro sem origem encontrado em cueca de assessor parlamentar; cinismo de Duda Mendonça ao dizer que recebeu pela campanha do PT, em dinheiro de caixa dois, depositado em conta no exterior; cinismo dos deputados do PT que recebiam dinheiro vivo no Banco Rural !

Em outras palavras, tudo o que o PT , "arauto da moralidade e da ética", acusava antes de ser poder, foi tudo o que praticou quando o assumiu. Uma vergonha ! O PT , quem diria, se tornou uma referência de corrupção e cinismo ! A diferença do PT para o PMDB, PSDB ou DEM é uma só: letras. A essência e falta de ética é a mesma em todos eles. São iguais.

O Partido dos Trabalhadores se compôs, para governar, com o que existe de mais conservador e corrupto da politica brasileira. Pensava, quando votei em Lula, que, finalmente, essa gente, a oligarquia brasileira fosse ser "eliminada" do poder. Ao contrário, com o governo Lula, se fortaleceram ainda mais. Quem manda no Estado brasileiro são os bancos e os grupos oligopolistas, que desconhecem a palavra competição.

O Estado brasileiro é perdulário, ineficiente e corrupto. O governo PT, liderado por Lula , era a minha grande esperança de ver mudanças estruturais no Estado e, sobretudo, de mentalidade no serviço público . Isso significa dizer, o cidadão ver seus impostos retornados em bons serviços e ser respeitado em seus direitos. Nada disso, infelizmente, aconteceu no primeiro governo dito de esquerda no Brasil.

Não quero analisar o governo do Presidente Lula, em quem eu votei, mas tinha fé que o "orçamento", palavra chave das democracias ocidentais, fosse a única prática e instrumento ideológico para implantação de efetiva politica de esquerda. Em outras palavras, que nossos impostos fossem aplicados, diretamente , em politicas públicas voltadas para a maioria da população. Bolsa família não é politica de desenvolvimento.

Isso não aconteceu. A verocidade do Estado brasileiro, sobre o dinheiro do cidadão que produz , parece insaciável. Quanto mais arrecada, mais quer arrecadar, o que infelizmente não significa melhores serviços, melhor educação, mais saneamento, mais estradas, mais portos etc. Ao contrário, foi no governo Lula, com politicas fiscais conservadoras e monetárias ortodoxas , seguindo tudo o que fez Fernando Henrique Cardoso, que os bancos e as grandes empresas brasileiras mais ganharam dinheiro em toda a história. Dinheiro público, lógico. Crimes que matam a esperança.

Lula , mesmo com maioria no congresso, não quis fazer a necessária reforma politica, muito menos a urgente reforma fiscal. Vivemos um inferno burocrático, onde o cidadão só serve para pagar impostos. Direitos, nenhum. Trilhão de Reais recolhidos, compulsoriamente de quem trabalha e, de quem produz, para nada. Salvo para pagar os maiores juros do mundo e enriquecer os políticos.


"Nunca na história desse país" , o Estado arrecadou tanto dinheiro da sociedade. Nunca tão poucos enriqueceram tanto, com dinheiro subsidiado e , por óbvio, às custas do loby politico de empresas que dominam o estado brasileiro. O orçamento da União tem destino certo: os grupos economicos poderosos.


Acreditei, honestamente, que o governo do PT fosse quebrar esse paradigma, esses históricos privilégios e, romper com esses mesmos setores que sempre impediram uma melhor distribuição de renda no Brasil. Ao contrário !Para governar, o governo do PT se aproximou dos mesmos poderosos de sempre e, com eles, negociou, governou e vai continuar governando. Foram os bancos e as grandes empresas nacionais, os maiores contribuintes e doadores da campanha de Dilma.

O PT não teve coragem politica para atacar a falida estrutura do Estado brasileiro, que não serve para nada, salvo para assaltar o bolso de quem produz, de quem trabalha, de quem efetivamente gera riquezas em nosso país.


Podemos transferir essa realidade para Juiz de Fora, onde o orçamento de mais de um bilhão de reais, praticamente o dobro de 4 anos atrás, é transferido, anualmente para empreiteiras, que ganham contratos sem concorrência, tais como a limpeza urbana, cujos serviços deveriam ser prestados pelo próprio município , por menos da metade do preço que pagam para a iniciativa privada.


Negociatas, venda de ativos públicos por preço vil, contratos fraudulentos com empresas que sugam recursos que deveriam estar sendo aplicados em saneamento básico e, saúde que não existem para a maioria da população, é o que se atesta nas última administrações de Juiz de Fora. Além disso, milhares de cabos eleitorais contratados sem concurso público, como manda a Lei, que oneram o orçamento municipal, mas que liberam votos...

Projetos para o futuro não existem. Projeto politico na cidade é sinônimo de acomodação dos amigos, e dos grupos que participam das eleições. Todo mundo fica feliz, e a cidade parada. Juiz de Fora se perdeu .

Por tudo isso, não consigo ver no futuro, infelizmente, na melhoria dos serviços públicos da cidade, muito menos imaginar um projeto de desenvolvimento. Roubam e corrompem tanto, que não sobra tempo sequer para pensar o futuro. Não existe mais inteligência politica que pense o futuro da cidade.

As práticas desonestas do "ato coletivo de se fazer politica", sempre prevalece na cidade. Ou seja, não existe responsabilidade com a verdade. Custódio mattos anunciou durante sua campanha, que não aumentaria o IPTU da cidade. Mentiu, e ficou por isso mesmo. O povo "protesta" na primeira semana, mas vota nele mesmo nas próximas eleições. Ou em Bejani...

Há menos de um ano e meio para o inicio da campanha para a prefeitura, os acordos já vão começar. Voltarão os mesmos atores. A cidade continuará a mesma. A mesma Juiz de Fora, decadente.

Não vale a pena lutar. O povo não quer mudar. Está feliz assim. Resta aos "perdedores", o silêncio, pois não podemos nos esquecer da soberania do voto. O povo é quem elege.

O povo está feliz.

continua

8 comentários:

Carlão disse...

Pois e caro Omar Peres.Quantas vezes eu critiquei o Lula e o PT aqui,e so não fui agredido fisicamente por alguans,porque ainda não inventaram a porrada virtual.O PSDB e o PT são exatamente iguais.Com a diferença que o PT tinha tudo para mudar a historia desse país,se colocasse em pratica o que prometeu anos a fio ao povo brasileiro.Lembro como se fosse ontem o Lula afirmando que se caso ele fosse eleito,os banqueiros desse país teriam regras para serem respeitadas,que o interesse do povo era muito maior e mais importante que os interesses dos banqueiros.O resultado final todos sabem.Nunca antes na historia desse país os banqueiros ganharam tanto dinheiro como agora.Recordes de arrecadação são batidos mes a mes.O operario que virou presidente se tornou o maior e mais leal aliado do sistema bancario brasileiro,permitindo que esse sistema cobre do povo que ama tanto o Lula as maiores taxas de juros bancarios do mundo,isso sem contar com as absurdas tarifas,que cobram absolutamente tudo.Em uma pesquisa feita por um economista a um tempo atras,somente com a cobrança das tarifas bancarias,os bancos praticamente pagavam seus funcionarios.O resto,quer dizer,o principal,e lucro.Por isso os recordes atras de recordes,e a invasão dos bancos estrangeiros no Brasil.Imagino as gargalhadas que esses banqueiros devem dar quando o assunto e banco e Brasil.Alias não so os banqueiros,os deputados,os donos de empreiteiras,de multinacionais,enfim,as pessoas que não são como as outras,como disse o propio Lula,se referindo ao Sarney.Eles tem motivos de sobra para darem longas gargalhadas,afinal,quem não gosta de dinheiro,muito dinneiro.Agora o que o povão tanto sorri de alegria e satisfação com esse governo e que não da para entender.Sera que o aumento de R$30,00 no salario minimo e o motivo?

Thiago Coelho disse...

Caro Omar...

Eu fico muito triste, mas feliz ao mesmo tempo. Triste com a situação a qual chegou o cenário da política nacional, a ponto de "HOMENS BONS" "HOMENS NOBRES" sentiren-se impotentes diante de tal situação.
Mas fico feliz porque, sua decisão, me fez perceber que os mesmo "HOMENS BONS", os mesmos "HOMENS NOBRES" fazem isso justamente por que não sujos, não são menterisos, individualis e cínicos.
Omar, foi muito pouco que nos relacionamos, mas aprendi muito com você. Até mesmo o por que que a politica é perturbação para o espírito.
É muito díficil fechar os olhos, se acomodar diante de tanta podreira.
Mas agir como paladinos da justiça nos faz ser como quixotes na contemporaneidade. No final, como você mesmo observou, é o voto. O voto daqueles que esperam que Deus julgue os erros do Lula, do Sarney, do FHC,do Dirceu, efim, de todos estes vampiros que vivem do sangue daqueles que bancam o Estado, é que decide. E a indignação do povo é de fato uma "mosca-sem-asas", só faz barulho mas não voa.

Um grade Abraço
E um excelente ANO NOVO...

Thiago Coelho

Thiago Coelho disse...

Caro Omar...

Muito me envergonha o fato de eu não ter conseguido mais votos para o senhor em Rio Pomba. Mas lá assim como em muitos outros lugares, um mico-leão de 20, e o bigode de muitos prefeitos pesou mais. E também gostaria de deixar claro que não guardo nenhuma mágoa da maneira pela qual o Marcelo seu irmão me tratou, coisa que até hoje eu não entendi o por que.
No mais Omar, eu gostaria de ter a chance de te encontra pelo menos mais uma vez para lhe dar um presente, que saiu intacto, sem quebrar, do meu acidente.

Um abraço

Thiago Coelho

Samuel disse...

Prezado Omar, realmente o que você nos alertou aconteceu: mesmo os veradores votando "contra" o aumento do IPTU, o "cara de pau" do nosso prefeito resolveu passar por cima da vontade da maioria dos vereadores e de toda a população. É inacreditável o que acontece em nossa cidade. Pena que nós, meros cidadãos, só somos lembrados quando somos eleitores. Penso que é impossível a reeleição de Custódio. E olha que votei nele nos dois turnos da última eleição. O Programa Novo Asfaltamento, quer dizer, Nova Juiz de Fora é uma piada. A saúde na cidade é um caos. Outra coisa ainda não comentada é a vergonha da programação de tempo dos semáforos da Avenida Rio Branco. Uma criança de 12 anos faz um trabalho melhor que os "profissionais" da Settra. Nos finais de semana, sem nenhum movimento, você demora 40 minutos para atravessar a avenida. É uma pena você terminar seu blog, único veículo independente da cidade. Repense pelo bem de todos. Abraços saudosos, Samuel Fonseca

Eurico Moura disse...

QUE FINAL MELANCOLICO.
Acredito os fato, podem mudar, dão volta. Só lamento, sem querer me matar, não estar mais aqui para assistir um dia, a uma mudança.
Confesso cansei e me decepcionei com os 5 mil votos.
Retrato da omissão de um povo, sem identidade, covarde, etc.
Quanta gente aqui postou, certamente a serviço dos que aí estão, levando a cidade ao caos que se encontra, mas garantindo-se com migalhas, traiçoeiramente se vendendo.
Sinceramente, gostaria de não ter acessado o blog esses dias.
Melhor seria, ter tomado conhecimento somente após o encerramento do mesmo.
LAMENTÁVEL TUDO ISSO, PELOS MAIS DISTINTOS ASPECTOS.
UMA GRANDE DESILUSÃO, DURA, MAS COMPREENSÍVEL.
Quando aí vou, é que percebo o quanto a cidade é difícil, sui generis, provinciana, pobre de certa forma, sem perspectiva.
Mas, como voce mesmo diz, se é a vontade do povo, demonstrada nas urnas, que assim seja.
Que continuem a tomar água na bunda, nos pontos de onibus, como cordeirinhos.

Thiago Coelho disse...

Caro Omar...

O Lula não merece nem um pingo do pretígio que ele tem.
Dilma!? não passa de uma armadilha.
O pior é que o povo está totalmente enfeitiçado. Talvez se o testa de ferro do Eike Batista ou se o "PC do Lula", o Roberto Teixeira, forem investigados...a mascara do filho do Brasil (que vergonha de ser brasileiro) venha a cair...

Um abraço

Thiago Coelho

renatolimagui disse...

O que Omar peres denunciou, aconteceu: Vem aí mais aumento do IPTU em Juiz de Fora. Estava tudo combinado!!! O maior beneficiário do mensalão mineiro faz a população de besta ... Merecia ser apedrejado em praça pública!!!

Eurico Moura disse...

Vergonha, de ser brasileiro, mas tem coisa pior, eleger esses últimos prefeitos de Juiz de Fora e RECLAMAR. De que?!
Interessante, quem poderia transformar a cidade, está dizendo ADEUS e curioso, votaria novamente em LULA.