segunda-feira, 25 de maio de 2009

O trem impossível, para quem não sonha nem realiza

Meu programa de governo para prefeito de Juiz de Fora, apresentado no ano passado, contemplava o retorno do "Xangai", assim como o metrô de superfície, que cruzaria toda a Avenida Rio Branco, fazendo transbordo no Manuel Honório, em uma extremidade; a outra extremidade estaria no alto do Bom Pastor.

Os que àquela época chamaram-me de sonhador foram os mais gentis. A maioria disse que eu era um demagogo e enganador. Tudo bem, pois essas pessoas nunca devem ter tido a oportunidade de sair de Juiz de Fora e, portanto, não tiveram a chance de conhecer e utilizar os modernos sistemas de transporte nas principais cidades do mundo.
Recentemente, estive, a negócios, em Sevilha, Espanha. É uma cidade mais ou menos do tamanho de Juiz de Fora, com aproximadamente 700 mil habitantes. Trouxe para os que frequentam meu blog, como também para os meus críticos, o projeto que iria executar como prefeito: a implantação do metrô de superfície no centro da zona urbana, tal como em Sevilha. Como não ganhei a eleição, topo dar a ideia de presente para o Custódio, que está aí ocupando o cargo.

Volto a dizer que é muíto fácil implantar o metrô de superfície de Juiz de Fora. Parte dele já está pronto. Refiro-me ao "Xangai". Para o novo trecho, que seria a Rio Branco, existe financiamento externo e/ou interno de longo prazo, e o principal: é muito barato, eficiente, e solucionaria grande parte do trânsito da cidade.

Aos meus críticos o meu muito obrigado, por perderem tempo vendo em meu blog o exemplo de modernidade que vi em Sevilha, e que infelizmente não chegará a Juiz de Fora. Uma pena.



O.P.

29 comentários:

OMAR PERES A ESPERANÇA disse...

tais ideias vem de quem não quer receber mesadas do fernando goretti,o cap dos empresarios de onibus de juiz de fora,o bolão é menino de recado,e cafetão do bejani.o custodio como ja é um mensalheiro militante,nunca vai fazer isto,pelo contrario,vai ferir o urbanismo de jf com pontes e viadutos para facilitar a vida dos empresarios de onibus,com total apoio do bruno camargo-correia tecnologia 3d de telefonia celular,nossa unica esperança é voce OMAR PERES.

JOSE FERREIRA disse...

OMAR FOMOS CONDENADOS A QUATRO ANOS DE INCOMPETENCIA E CORRUPÇÃO,VER COMO SECRETARIO DE ADMINISTRAÇÃO VITOR VALVERDE É O FIM,É UMA VINGANÇA CONTRA JUIZ DE FORA,SEM MENCIONAR EUNICE DANTAS E SILVANA BARBOSA.ACEFALOS,DESPREPARADOS,SEM NENHUMA BAGAGEM E OU EXPERIENCIA NO QUE FAZEM,SEM FALAR NO COMPLETO DESEQUILIBRIO E PLENO DESVIO DE CONDUTA MORAL DOS TREIS.CUSTODIO ODEIA JUIZ DE FORA.COM ESTA TURMA,O PIOR SECRETARIADO JA VISTO NA HISTORIA DE JUIZ DE FORA O PROGRESSO NUNCA ACONTECERA.

Anônimo disse...

Ontem no Panorama entrevista o
secretário Vitor valverde, mostrou toda sua verve mentirosa, maliciosa e desatinada.
Mostrou a que veio.
Simplesmente para mentir e enganar ao comando do mensaleiro de Maripá.
Chega.
ou nos tranformamos numa opisição séria e atuante de verdade, ou como disse alguém que é muito citado s aqui:
quem vota em ladrão merece 4 anos de punição.

Anônimo disse...

Crsitina Musse melhorou bem.
Embora ainda tenha dado uma escorregadela, ao levantar a bola da falta de dinheiro na prefeitura, que ela como jornalista devia saber ser uma grande mentira.
Mas mesmo com nuances tucanas ela já merece um pouco de credibilidade.
Agora o reporter, Esse sim.
Falou pouco e espetou o pelêgo do Cosme, e ainda cutucou o secretario, desmentindo a falta de dinheiro.
O programa já melhorou mas, é preciso tirar mais leite das pedras.

Anônimo disse...

E a resposta do Vitinho Valverde ao Dr Gilson Salomão:

Se vcs lutam por esse aumento a 20 anos por que resolveram parar agora?

Ora se o problema dos médicos se arrata a vinte anos é por que começou na 1ª administração do Custódio, e nesse caso vamos combinar que ele é quem deve resolver.
E depois durante a eleição ele não tinha solução pra tudo?

Anônimo disse...

E de novo Vitor Valverde apresenta dados falsos.
Parabéns ao jovem jornalista que imediamenta demonstrou o "equivoco" do secretário.

Anônimo disse...

Sergio Evangélico (mais conhecido nos meios afonsinos por Raphael Pontes) também esta meio tonto, ou completamente.

Rogerio de Moraes disse...

Do jeito que o eleitor de Juiz de fora é BURRO e VENAL, eles seriam atropelados pelo trem.
O que certa forma se constituiria numa limpeza moral da cidade.

Rogerio de Moraes disse...

A cidade perdeu mais que sua capacidade de realizar, perdeu também a possibilidade de sonhar.
DEvido a 20 anos de administrações michordias, o cabresto está engessado no pescoço desses eleitores.
Eles não votaram no Omar Peres por maldade não. Foi por incompetência e ganância mesmo.
Votaram no Custódio por que ele deu o que cansaram de nos pedir durante a eleição e sair de mãos abanando:
50 reais.

Anônimo disse...

Um médio ganha por 4 horas de serviços diários R$ 1.298.00.

Qualquer traficantizinho de JF ganha isto por semana e em alguns casos em um dia.

Vamos parar de vez.

Chega de greve picada.

Anônimo disse...

O vitinho valverde disse que os professores de juiz de fora ganham bem.
Só se for em trolha.

Anônimo disse...

O abona que o Prefeitinho deu aos mais pobres da prefeitura, não paga nem o almoço do vitor valverde nos restaurantes de luxo que ele frequenta.
e os babacas se fu... pros bacanas colocarem tudo no bolso.

Anônimo disse...

chega de têrêtêtê.

Vamos trabalhar.

POis quem ganha dineiro com politica é o custódio e sua gang

Anônimo disse...

Quem viu a sueli reis montada na Mercedes?

Tem o telefone da moça?
Quero dizer da Mercedes?

Anônimo disse...

Dr. Omar Peres,

Sinceramente, penso que quando candidato, V.Sª. ao propor o"trem na principal via de JF" e ao mesmo tempo, cobrança de pedágio dos trens que circulam diariamente pelo centro da cidade, causou impacto, pois V.Sª., diferente dos políticos, quando promete, FAZ. Assim, sem maiores estudos, sem ouvir as lideranças nos vários setores da economia local, sobretudo ter o respaldo da CÂMARA MUNICIPAL, essa proposta, no caso da sua candidatura, funcionou como um plebícito...e "foi a vaca pro brejo...". Normalmente em campanha, se fala é marolinhas...promete mudos e fundos de coisas obvias, e não ideias radicais, como a solução do caos urbano de JF, introduzindo o "trem bala no Centro"...ainda mais, depois que o SITT deu no que deu, com a desativação do terminal de Santa Lúcia, pelo corrupto Bejani...
Vamos devagar que o santo é de barro...Assim, a candidatura de V.Sª. naufragou e ficamos a ver navios em Mar de Espanha, ou melhor, em Bicas, terra do preclaro Todinho, que venceu a contenda...que prometeu solução para o trânsito e transporte urbano, e até agora, nada...Veremos os próximos capítulos, pois ele detem maioria na Câmara e esta afinado como o Gov. Aécio.
O "trem" para nós mineiros é mais que uma solução para o transporte urbano, é um sonho. Mas, sinceramente, a ideia assustou com essa radical solução apontada na campanha...dai, julgo que V.Sª. perdeu o bonde da história...e a eleição para prefeito. Afinal, que certeza teriamos de que iria dar certo ? Aí, minguaram os votos e deu Tucano, que está na muda...
Politicamente, estou com V.Sª...
Forte abraço,
Marcial Fontes

Socorro disse...

Das duas uma:

O blog esta abandonado ou atacado por Lapidario Hacker.

Anônimo disse...

Omar e leitores do Blog,

Leiam a Frigideira do www.jfolha.com.br.

Avança o governo dos ricos: Poder Público quer varrer flanelinhas.

25 de maio dia de luta Contra a Carga Tributária.

Anônimo disse...

o trem é o transporte mais público de todos: custo-benefício e segurança. Acontece que o que prevalece são os grandes esquemas das empresas de transporte, do petróleo e de todos os traídores do povo.

Edu disse...

É racional pagar para que pessoas de terno e gravata nos "representem"? É racional dar
duro para que outros recebam o produto do nosso suor? É racional contribuir para uma
instituição chamada governo? O que é o governo senão uma figura absurda e ilusória? Uma
representação? Governo é o nome pelo qual um bando de espertos se escondem para
explorar a maioria mantendo uma identidade sigilosa! Governo, Igreja, Máfia, Escola...

É tudo a mesma coisa!

Entendam! Nós não precisamos dessas instituições! Foi-nos lenta e suavemente imposto
que precisamos delas! O ser humano é indivíduo, individual. Cada um é o máximo e único
responsável por si! Eu quero ter o direito de gerir a minha própria vida! A democracia é
um erro, uma ilusão! A democracia é tão utópica quanto essas linhas que agora escrevo!
Não precisamos de patrões! Não queremos hierarquias, ordens, leis e proibições! O caos?
Vocês temem o caos? Mas o que é o caos senão o momento em que vivemos? Todas as
instituições estão aí para nos "proteger" e o que vemos? Todos contribuem mensalmente
para que a máquina estatal continue alimentando seus súditos e o que vemos? Eu saio na
rua e vejo miséria!
O voto é obrigatório. Risível. Somos obrigados a escolher outras pessoas para nos
representarem e decidirem o que podemos ou não fazer, a que temos ou não direito. Isso é
loucura! Eu quero decidir por mim mesmo! Quero me estragar, me estrago! Quero meditar,
medito! Não acredito nessa ordem que criaram. Essa ordem onde o discurso que pregam
não condiz com a realidade que vejo! Ou seja, nós somos obrigados a ser comandados.
Não é democracia e sim ditadura! Abram os olhos!

Alexandre disse...

CARO OMAR, O PROBLEMA DO TRÂNSITO DE JF EM GRANDE PARTE É CAUSADO PELA INEFICÁCIA DAS AÇÕES DA GETRAN, QUE SÓ SABE COLOCAR CADA VEZ MAIS SEMÁFOROS NA CIDADE SEM PLANEJAMENTO ALGUM, CAUSANDO CADA VEZ MAIS EMGARRAFAMENTOS NA CIDADE, AÇÕES SIMPLES COMO A ONDE VERDE POR EXEMPLO AJUDARIAM A SOLUCIONAR OS PROBLEMAS DE NOSSA CIDADE,MAS INFELIZMENTE A GETRAN FICA OLHANDO A CIDADE PARAR E FICA ATÔNITA DIANTE DO CAOS NO TRÂNSITO.

Geraldo Zimbra disse...

Interessante a proposta Omar... Sei do que você fala, pois estou morando faz 1 ano e 6 meses na França e, de vez em quando, aproveito as comodidades de um bom transporte - salvo quando temos greve.
Uma outra proposta a estudar seria uma adaptação do nosso Rio Paraibuna também para transporte publico entre a praça da estação e Benfica.
Mas, fazer o quê se nossos politicos pensam somente no aqui e agora... Bastaria Boa Vontade e seriedade dos homens publicos - o que, infelizmente, é um produto raro e escasso no nosso pais.
Abraços
Zimbra

Anônimo disse...

A concessionária espanhola OHL, vencedora de cinco trechos dos sete leiloados pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) em outubro de 2007, irá receber um financiamento de R$ 756 milhões do BNDES, entre o final de maio e o início de junho, para “cumprir” as melhorias estruturais das rodovias. A informação consta de um relatório da, também espanhola, corretora Santander.

A empresa espanhola alega que o tráfego ficou 22% abaixo do estimado na época da licitação. Os lotes arrematados pela OHL foram a BR-116 (Santa Catarina ao Rio Grande do Sul), BR-101 (Rio de Janeiro ao Espírito Santo), Rodovia Fernão Dias-BR-381 (Minas Gerais a São Paulo); Rodovia Régis Bittencourt-BR-116 (São Paulo ao Paraná) e Rodovia do Mercosul-BR-116 (Paraná a Santa Catarina).

Das 29 praças de pedágio previstas nos cincos contratos de concessão, 24 já estão a pleno vapor. Sendo que a vigésima quinta praça começa a operar a zero hora do próximo dia 25 no trecho da BR-101 entre as cidades do Rio de Janeiro e Casimiro de Abreu. A tarifa para carros de passeio será de R$ 2,50. Será a quarta das cinco praças previstas na rodovia que liga o Rio ao Espírito Santo.

Dos recursos advindos do BNDES, R$ 204 milhões serão destinados à rodovia Fernão Dias, R$ 332 milhões para a Regis Bittencourt e R$ 220 milhões para a Litoral Sul.

As referidas rodovias foram licitadas com as “condições” de duplicação e manutenção sob a responsabilidade das concessionárias. Não estava escrito nos editais, nem nos contratos, que os investimentos seriam feitos pelo BNDES. Assim sendo, se for para o banco público injetar dinheiro nas empresas vencedores dos leilões, qual a vantagem em transferir para uma empresa estrangeira o gerenciamento das rodovias?

Mike disse...

Infelizmente, a racionalização das ferrovias no Brasil foi engolida pela máfia que tomou conta de toda a estrutura rodoviária do país. Ganharam (e ainda ganham) todos: políticos, empreiteiros e empresários do setor.

É longa a história "Indústria das Rodovias" que tomou conta do Brasil. Mas vou resumir em 4 pontos:

1- Foram pagas indenizações milionárias para fazendeiros cujas propriedades foram "cortadas" por rodovias. Além disso, as propriedades valorizavam muito após a conclusão da obra. E quem eram os proprietários das fazendas? Grileiros, políticos e empresários....
2- Superfaturamento nas obras rodoviárias;
3- Concessão para exploração das empresas de ônibus para os "amigos do rei";
4- Crescimento das montadoras (caminhões) no Brasil.

Assim sendo, interessava aos governos o transporte ferroviário? Claro que não!

E olha que o transporte ferroviário é mais seguro, mais barato, mais prático, mais rápido e mais confortável para o cidadão...

A idéia do transporte ferroviário no Brasil acabou ficando para trás, restrita apenas para os "românticos". Mas em praticamente todos os países desenvolvidos o transporte ferroviário funciona há anos e é apontado como a saída mais racional para o estrangulamento dos grandes centros urbanos.

Os vídeos abaixo são apenas dois exemplos de como é possível o "convívio pacífico" do transporte ferroviário com o rodoviário.

http://www.youtube.com/watch?v=NV_R2FEolKs

http://www.youtube.com/watch?v=6WRxFRwjRXg

Anônimo disse...

O B O Q U I T A (COSME DO SINSERPU) É O DIRIGENTE MAIS INCOMPETENTE QUE JÁ SE VIU NAS HISTÓRIA DO SINSERPU.

VIU SÓ MANÉ, A AULA QUE O SINPRO DEU EM VOCÊ? CAI FORA. ENTREGUE O CARGO, APAGUE A LUZ E SAIA DE FININHO.

DISTRIBUA COM FARTURA O ZERÃO QUE VOCÊ DEU DE GRAÇA PARA O "RESTO" DA ADMINSTRAÇÃO.

I N C O M P E T E N T E !

SERÁ QUE NA PRÓXIMA ELEIÇÃO, VOCÊ TERÁ A CORAGEM E A CARA DE PAU DE SE CANDIDATAR NOVAMENTE?

COITADO DO "POVO" DO DEMLURB ...

COMO É USADO....

SÓ JESUS !!!

Anônimo disse...

Uma ciclovia margeando o Rio Paraibuna(arborizado com essencias nativas e fruteiras),pegando desde a Vila Ideal inté la pros lados da Barreira do Triunfo tambem é um sonho interessante.Trem é o obvio em qualquer lugar do mundo civilizado e inteligente.

Ocireu disse...

A distancia entre esse sonho e sua execução, está anos luz de se realizar.
Primeiro porque compararar a econômia de Sevilha e JF, seria o mesmo que comparar o Internacional de Porto Alegre e o Tupi. (fui pra bem longe, para não citar e melindrar torcedores “dusx clubesx cariocasx”.
Segundo, porque a econômia da city beira a bancarrota.
Faço aqui, comparação grotesca.
O serviço de TV a cabo na cidade,
dizem, além de ser de má qualidade, disponível até em determinadas regiões, não tem demanda. Falta "grana" para se dispor do mesmo. A cidade, é pobre!
Do Bom Pastor, São Mateus à rua Halfeld, dizem ser caro pagar a tarifa do onibus. Portanto, inviável financeiramente.
O problema do transporte na cidade, é maior quando se sobe ladeiras ou se vai aos bairros distantes.
Alem de inviável, creio, o prejuizo com depredação, aumentaria o custo. Imaginem ao se entrar num transporte semelhante ao de Sevilha, ler em seu interior: "É NOIS NA FITA", "APAGA, NOIS ISCREVI DINOVO", "JÕAO e MARIA" ou "Sueli, te amo".
É complicado! Não sou contra, mas com certeza, não veria essa modernidade ANTES de PARTIR desta para OUTRA.
JF parou no tempo.
Sem contar a turma que, quando se fala em obra, modernidade, fica logo indignada e encontra alguma coisa para dar o contra, “mei ambienti”.
São capazes de dizer, o sistema é muito silencioso, pode atropelar pessoas desatentas na Rio Branco.
Numa comparação, a julgar pela obra do aeroporto internacional de Goianá, podemos esperar sentados.
Vejam só a dinâmica em JF.A TRIP, anda fazendo a linha JF/Rio, voce embarca para São Joao Del Rey e BH. De lá que se vai para o Rio. PODE? Algum segmento se manifestou? Tambem como?!...
Não tem demanda! Logo logo encerra suas atividades na Manchester.
Já por aqui, além de operar a prrópria TRIP, GOL, dias atrás entrou em operação a conhecida dos juizfornanos, PANTANAL. Atrás de um mercado forte, só que a AZUL, começa a operar em junho. É entrar no site das duas e verificar.
E em JF? Bom, continuamos de UTIL e descendo na rodoviária.
Fica a sugestão, por que não se criar a desejada linha Parque Halfeld / Barra!?
Aí, se poderia descer na Independencia!
EM

Anônimo disse...

cade a interatividade do blog seu dr omar preguiçoso peres

Ocireu disse...

Quanto ao Xangai.
Este, DEVE ser viabilizado e modernizado o MAIS rapidamente possível.
É a alternativa mais inteligente e adequada, de se solucionar o transporte de massa diminuindo os onibus.
Afinal, que distancia é essa, da Praça da Estação ao Parque Halfeld, que não se pode caminhar? Creio tambem que, ao viabiliza-lo, seria uma maneira de se descentralizar, outro problema na cidade, ou seja, todos querem descer no Pq. Halfeld. O que lamento, é que com esses que aí estão, estiveram, se o povo não pensar e MUDAR, continuará sendo uma novela sem fim e pior, comprometendo cada vez mais as soluções para esse grande problema que JF enfrenta. Parodiando o ditado popular, quando o governante não pensa, o povo padece.
ps. Um detalhe.
O que me intriga é por que JF não consegue realizar obras. Para se colocar meia duzia de lampadas e estender um quarteirão de rua, leva-se uma eternidade?

Ocireu disse...

Gostaria de enviar fotos da obra do tunel ferroviario que corta o novo centro da cidade de Maringá. Em ambas extremidades, a linha está sendo rebaixada e as pistas da avenida estarão acima.
Fica minha pergunta, esta é uma das grandes obras em andamento na cidade. Por que, aqui com 62 anos neste mes e aí 159, se consegue verba, se realiza e aí, só projetos e engavetados? Se for do interesse, para qual endereço eletrônico devo enviar!?
EM