sexta-feira, 22 de maio de 2009

Uma tarde de democracia

Minha intervenção na audiência pública que a Câmara promoveu na terça-feira, para um debate sobre o lixo em Juiz de Fora, resumiu-se em dizer que gostaria de saber se alguém contrataria uma pessoa para fazer faxina em sua casa, sabendo que essa pessoa havia sido condenada por roubo e formação e quadrilha? Pois era e é isso o que está fazendo o prefeito Custódio ao endossar o contrato com a Queiroz Galvão, empresa que foi condenada pela Justiça de São Paulo por superfaturamento em contrato assinado com a prefeitura da cidade do Guarujá. Contrato idêntico, sem tirar nem pôr, foi celebrado aqui por Bejani e endossado por Custódio. Resultado: a Queiroz Galvão e o ex-prefeito do Guarujá foram condenados por roubo e obrigados a devolver mais de R$ 20 milhões para os cofres municipais. Isso foi ano passado. Vale a pena ler a sentença do juiz do processo. Ele fulmina a Queiroz Galvão.

Indaguei, ante os vereadores e convidados, se a prefeitura informou ao Tribunal de Contas do Estado esse item do currículo da Queiroz Galvão, pois um dos álibis do Custódio e da bejanista-tarcisista-custodista Sueli Reis, "advogada de defesa" da empreiteira, para tentar dar legalidade a esse escandaloso contrato, é dizer que o Tribunal de Contas do Estado "já analisou o contrato e nada achou de errado", como se fosse essa a função daquela instituição. Não é, e isso será melhor entendido quando estourar esse novo escândalo.

Disse também que Juiz de Fora será, em breve, novamente notícia nacional, em decorrência, infelizmente, de mais um escândalo: a corrupção que envolve a indústria do lixo, e a cidade é uma das principais dessa pauta para a mídia nacional. Aguardem.

Juiz de Fora, mais uma vez, por culpa agora do atual prefeito, que está endossando Bejani, vai para o lixo da história. Custódio não sabe o que vem por aí. Vamos aguardar. Quero ver a cara de honestidade dele e da bejanista-tarcisista-custodista Sueli Reis! Vai ser divertido ver o que eles vão dizer na hora que estourar a notícia, nacionalmente, sendo o atual prefeito o padastro do contrato com a Queiroz Galvão. E o mais interessante é que tudo o que essa gente falou, está gravado. Foi ao ar! Quero ver.

Para terminar, a parte mais divertida da audiência: Sueli Reis disse que o contrato “não é de nossa época (do neobejanista Custódio) e que, por isso, estava muito tranquila. Gente, é muita cara de pau, muita afronta ao povo desta cidade dizer um absurdo desses!

Mas aí veio o promotor Júlio César dizendo dos motivos que a levavam a promover a defesa da Queiroz Galvão. A moça ficou enfurecida, danada da vida. Desconsertada. Perdeu o rumo. Claro que tinha de ficar nervosa e sem rumo, pois alí estaria em jogo, segundo ela própria, a sua honra, e ninguém poderia colocar sua honra em jogo. Em outras palavras, ninguém pode questionar a honra de uma bejanista-tarcisista-custodista.

Segundo um amigo meu, nessa audiência Juiz de Fora viveu uma tarde de democracia. Estávamos precisando.

O.P.

21 comentários:

Mike disse...

Omar, eu te pergunto:
Por que você acha que os custodistas querem tomar como álibi um parecer do TCE-MG (Tribunal de Contas de MG)?

Você realmente acha que o TCE-MG tem isenção para julgar contratos do tipo?

Vou responder em 5 pontos:

1- A Queiroz Galvão financiou a campanha de Aécio Neves para governo de MG. Eis o link para comprovar (no tipo de prestação, opte por "RECEITA" em vez de "DESPESA"):
http://www.tse.gov.br/sadSPCE06F3/faces/cadespRecList.jsp

2- Em 1996 Aécio Neves nomeou Adriene Barbosa de Faria Andrade como CONSELHEIRA do TCE-MG;

3- Onze meses depois de ter sido nomeada, a tal "conselheira" foi escolhida para ser relatora de um processo de R$ 900 milhões envolvendo os suspeitosos contratos da "máfia do lixo";

4- Adriene Barbosa é esposa do ex-vice-governador Clésio Andrade, acusado de várias irregularidades. Pesquise por "clésio andrade" no Google;

5- Adriene Barbosa foi prefeita de Três Pontas e foi acusada de várias irregularidades, sendo ré em vários processos. Pesquise também por "Adriene Barbosa de Faria Andrade" no Google.

Para quem não quiser pesquisar no Google, veja a "ficha completa" de Adriene Barbosa no site "Mária do Lixo":
http://antigo.mafiadolixo.com/default.asp?SECAO=44&SUBSECAO=0&EDITORIA=2754

Estamos de olho disse...

Aécio classificou o atual sistema de financiamento de campanhas de anacrônico, pois "privilegia o poder financeiro em detrimento do debate de ideias"

Que demagogia em?

Ao credenciar na eleição municipal a compra de votos como foi a publico observada sua moral em muitos eleitores ficou a desejar infelizmente esta fora de nosso ideal político.

Anônimo disse...

O escandalo já estourou,só não vê quem não quer.Esse e outros criminosos "esquemas",dos tres tempos do verbo.A morosidade do poder judiciario é sua marca inegavel,mas aqui em Juiz de Fora fica a má imagem de que ela tenha caido dentro de um latão de gesso.Quem sabe se a Sueli mais o Custodio descerem o calçadão pelados a "justa" se mexa?

Anônimo disse...

se vc não importar, gostaríamos de fazer uma propaganda do seu blog.

www.jfolha.com.br

Rogerio de Moraes disse...

MAIS QUE UMA TARDE DE DEMOCRACIA, JUIZ DE FORA PRECISA É DE UM CHOQUE DE MORALIDADE.
MAS COM A ATUAL ADMISNISTRAÇÃO FICA MAIS FACIL TER 4 ANOS DE CORRUPÇÃO.
QUEM VOTA EM LADRÃO MERECE 4 ANOS DE PUNIÇÃO.

Anônimo disse...

Omar, to propondo a gente fazer uma brincadeira aqui no seu blog, rs.


big brother jf
--------------
apresentadora: josi do bbb

lista dos participantes da home:

LADO B
wilson cid,cabelim, eduardo gomes, pc, o filho do josino, OMAR (meu candidato).

LADO A

vera amaral, custódio, sueli, tarcísio, joao cesar, a silvana do muzik,rafael pimenta, o companheiro do pstu, meu amigo douglas fazolatto, não pode faltar, bruno siqueira, paulo delgado, isauro, ah o joao vitor:

e daí a gente tira o prefeito:



ELIMINADOS

BEJANI
rodriguim (se naum pode favorecer o pai)

Roberto disse...

O EXEMPLO DE CUSTÓDIO É SEGUIDO PELA JUVENTUDE:

Menino de 13 anos é apreendido duas vezes em menos de 24 horas

Um menino de 13 anos foi apreendido duas vezes, em menos de 24 horas, pela Polícia Militar, por suspeita de tentativa de furto. O primeiro ato infracional teria ocorrido na tarde de quarta-feira, no Bairro Santa Rita, Região Leste. Naquela ocasião, o garoto teria tentado furtar a bolsa de uma aposentada de 77 anos dentro da casa da vítima. No entanto, ele foi visto pelo marido da idosa no momento em que deixava o local. O adolescente acabou sendo contido por populares até a chegada da polícia.(...)
De acordo com Flávia Ribeiro, diante do quadro de constantes fugas do adolescente, a direção da entidade definiu encaminhá-lo à Vara da Infância e Juventude para que sua situação seja avaliada. Entretanto, até o fechamento desta edição, a Casa Aberta ainda permanecia como guardiã do garoto. Os jovens assistidos na unidade não dormem no local, mas o programa mantém um plantão de 24 horas que dá suporte à equipe de abordagem à noite e nos finais de semana e para atender a encaminhamentos do juizado.

Conforme demonstrou a Tribuna, entre os meses de fevereiro e março de 2009, a maioria dos atos infracionais cometidos por adolescentes em Juiz de Fora refere-se a crimes contra o patrimônio. Das 1.300 ações em andamento envolvendo essa população, cerca de 70% estão relacionadas a furtos, assaltos, arrombamentos e danos ao patrimônio. Já o tráfico e as brigas de gangue somam 20% dos registros. Os crimes contra a pessoa respondem por 10% dos casos

NADA COMO UM BOM EXEMPLO PARA INDICAR O CAMINHO PARA A JUVENTUDE PERDIDA. NUMA CIDADE ONDE SE COMPRA VOTO POR 30 REAIS, O EX PREFEITO É UM LADRÃO, E EX PRESIDIÁRIO, O ATUAL JÁ É QUASE UM CASO CLINICO DE CLEPTOMANIA, TEM UM SECRETÁRIADO QUE SÓ TEM A DESONESTIDADE MAIOR QUE A INCOMPETENCIA, FICA CLARO O CAMINHO QUE OS JOVENS VÃO SEGUIR:
O DA BANDIDAGEM.
PARABÉNS SEU CUSTÓDIO
MAIS UMA PRO SENHOR ESPONDER NO JUIZO FINAL, QUE PELO ANDAR DA CARRUAGEM....

Roberto disse...

MAIS MORTES NAS COSTAS DO CUSTÓDIO:

Sepultamentos no Cemitério Municipal

Amarinha Clemente Ferreira, 80 anos.

Anália Augusta Lacerda Vanon, 88 anos.

Joaquim Arimathéa Gomes de Assis, 49 anos

José Mariano Margarida, 77 anos

Ângela Carnavale Pereira, 86 anos

Sepultamento no Cemitério da Barreira do Triunfo

Mariles de Oliveira, 84 anos.

Sepultamentos em outras localidades

Altiva Pantoja Paixão, 86 anos, em São Luís.

Jesus Bittencourt Braga, 67 anos, em Manhuaçu.

José Soares Godinho, 93 anos, em Leopoldina.

Maria José Viana, 94 anos, em Pirapetinga.

Paulo dos Santos, 83 anos, em Bom Jardim de Minas.


QUA\NTOS DESSES NÃO SE FPORAM POR INCOMPETENCIA DA SECRETÁRIA DE SAUDE, DONA EUNICE ANTA.

A SAUDE EM JF VAI DE MAL A PIAU.

Roberto disse...

LÁ VEM O EMBRUNINHO EMPURRAR MAIS UMA TROLHA NO POVO:

Título para Acispes causa polêmica

Se depender de alguns vereadores, a Agência de Cooperação Intermunicipal em Saúde Pé da Serra (Acispes) não vai receber título de utilidade pública, proposto por Bruno Siqueira (PMDB). Depois de, na quarta-feira, pedir o adiamento da votação, alegando que a Acispes não presta contas das atividades ao Conselho de Saúde, o vereador José Emanuel (PSC) tornou a criticar a entidade ontem. "Essa associação não traz benefício para a cidade. Tenho 'peito' para pedir até a revogação, se o título for aprovado", declarou, apoiado por Pastor Carlos Bonifácio (PRB), Noraldino Júnior (PSC), Francisco Evangelista (PP) e Antônio Martins (Tico-Tico, PP). Em defesa da associação, José Laerte (PSDB) pediu que os pares aguardem a audiência pública.

IH A COISA TÁ FICANDO PRO MENININHO RIQUINHO.
AGORA ATÉ O TICO-TICO AQUELE ANALFABETO PIDÃO, ESTÁ DETONANDO ELE.
É ASSIM QUE SE COMEÇA A VIRAR CUSTÓDIO...

Anônimo disse...

Sueli Reis anda montada numa bela Mercedes.

Anônimo disse...

Eu também achei essa Mercedes uma beleza. E que corpão hein...

Anônimo disse...

Honra? Que honra? Tem é que colocar a policia federal nessa história e o ministerio publico para nos defender de mais esse assalto ao nosso suado dinheiro. É muita cara de pau dessa gente.

Anônimo disse...

Omar, choveu no molhado.

Anônimo disse...

José Serra e Aécio Neves são inimigos cordiais. Por mais que finjam uma fraternidade ilimitada, discordam num ponto, fundamental, cada um acha que é o candidato ideal do partido para as próximas eleições presidenciais. Portanto deseja do fundo do coração que o outro desista. Nenhum dos dois vai desistir de bom grado. Só não se engalfinham porque precisam um do outro para viabilizar sua candidatura. Sem a banda mineira que apoia Aécio, José Serra não sai do lugar, sem os paulistas Aécio vai continuar picando fumo nas gerais.

Aécio quer fazer prévias e definir o candidato do partido já, pois precisa ficar conhecido no resto do país, José Serra quer segurar essa escolha para o próximo ano, pois como está melhor posicionado nas pesquisas, o tempo pode lhe dar vantagem suficiente para fazer Aécio desistir.

Aécio começa a pregar que o Brasil está sendo governador por paulistas há quase 16 anos, que está na hora dos mineiros, isso considerando o pernambucano, Lula paulista, pelas origens políticas.

José Serra tem 67 anos, argumenta que Aécio só com 49 pode esperar um pouco mais para ser candidato do partido num próximo pleito.

Aécio argumenta que Serra já teve a sua chance e desperdiçou.

Assim de argumento em argumento cada um vai dando estocadas no outro, na preparação de um grande desentendimento e ressentimento intransponível no derrotado na indicação.

Lula com a sua candidata laranja debaixo do braço fica só assistindo os adversários se digladiarem, esperando para enfrentar em condições bem vantajosas o “vencedor” tucano, enfraquecido e trôpego pela disputa interna.

Assim Fernando Collor, vai acabar sendo o principal adversário do candidato petista.

jorge disse...

Caroa Omar, o descrédito em relação aos políticos e a justiça é tamanho que muita gente clasificou como " jogo de cena" a audiência pública sobre o lixão.
Só, que eu vivi na época da ditadura, onde isso JAMAIS seria possível. Por isso, sei dar o valor para esse avanço da sociedade.
A democracia é proceso, que se constrói passo-a-passo, com muita pressão e luta! E a nosa ainda engatinha. Portanto, só quem viveu uma ditadura sabe o real valor daquele momento.
A luta continua e sabemos que o caminho é esse: pressão popular.

Anônimo disse...

José Serra e Aécio Neves são inimigos cordiais. Por mais que finjam uma fraternidade ilimitada, discordam num ponto, fundamental, cada um acha que é o candidato ideal do partido para as próximas eleições presidenciais. Portanto deseja do fundo do coração que o outro desista. Nenhum dos dois vai desistir de bom grado. Só não se engalfinham porque precisam um do outro para viabilizar sua candidatura. Sem a banda mineira que apoia Aécio, José Serra não sai do lugar, sem os paulistas Aécio vai continuar picando fumo nas gerais.

Aécio quer fazer prévias e definir o candidato do partido já, pois precisa ficar conhecido no resto do país, José Serra quer segurar essa escolha para o próximo ano, pois como está melhor posicionado nas pesquisas, o tempo pode lhe dar vantagem suficiente para fazer Aécio desistir.

Aécio começa a pregar que o Brasil está sendo governador por paulistas há quase 16 anos, que está na hora dos mineiros, isso considerando o pernambucano, Lula paulista, pelas origens políticas.

José Serra tem 67 anos, argumenta que Aécio só com 49 pode esperar um pouco mais para ser candidato do partido num próximo pleito.

Aécio argumenta que Serra já teve a sua chance e desperdiçou.

Assim de argumento em argumento cada um vai dando estocadas no outro, na preparação de um grande desentendimento e ressentimento intransponível no derrotado na indicação.

Lula com a sua candidata laranja debaixo do braço fica só assistindo os adversários se digladiarem, esperando para enfrentar em condições bem vantajosas o “vencedor” tucano, enfraquecido e trôpego pela disputa interna.

Assim Fernando Collor, vai acabar sendo o principal adversário do candidato petista.

Mike disse...

Erratas:
-no meu post acima, onde se lê "1996", leia-se "2006". Um erro "só" de dez anos rs.

-onde se lê "Maria do Lixo", leia-se "Máfia do Lixo (muito embora "Maria do Lixo" tenha ficado bem apropriado :-)

Anônimo disse...

Rogério Moraes.. Vai te Catar...
Finge de MORTINHA.....
Vai fumar unzinho.....

Anônimo disse...

Prezado Omar,
O que estamos todos esperando é um texto seu falando sobre a matéria veiculada no "Valor Econômico" do dia 20 de maio, tendo Juiz de Fora como destaque ( negativo, diga-se de passagem).
O Custodio diz na matéira que a cidade tem que "sair do saudosismo". Ele quer tirar até o que nos resta... a saudade dos tais tempos melhores! Porque o vislumbre dos "dias melhores" a que se refere o prefeito, parece estar cada vez mais distante... É muito lixo. Todo mundo mais pobre apesar da jornada de trabalho cada vez maior, e o Custódio cada vez mais rico...
Deixo aqui só um aperitivo para quem quiser se informar melhor!
Cordial abraço,
Guilherme Carvalho

Valor Econômico 20/05/09

Um dos símbolos da primeira fase da industrialização brasileira, omunicípio de Juiz de Fora, na Zona da Mata de Minas Gerais, 513,3 milhabitantes em 2007, vive um longo período de perda de dinamismo econômico,acentuado na atual década, quando pela primeira vez, em 2006, seu ProdutoInterno Bruto (PIB) per capita foi superado pela média do Estado, segundodados do IBGE. Os números, os mais recentes disponíveis, mostram que o PIBper capita de Minas Gerais alcançou R$ 11.028, contra R$ 11.005 de Juiz deFora. Em 2002, este indicador na cidade era cerca de 15% maior que o doEstado - R$ 8.125 contra R$ 6.904. Mesmo continuando a ser uma cidade aprazível e com alto nível de vida parapadrões brasileiros (IDH de 0,828 em 2000), números compilados pelaprefeitura da cidade são ainda mais eloquentes: de 1999 a 2005 o PIB realdo município cresceu apenas 3,9%. A Zona da Mata, microrregião mineira com140 municípios da qual Juiz de Fora é o principal centro, cresceu 12,9% nomesmo período quando dela se exclui a própria Juiz de Fora. O Estadocresceu 22% e o Brasil, 30,9%. Menos crescimento, menos dinheiro. De 2001a 2007 a receita corrente do município subiu apenas 29,1%, contra 45,9% doEstado como um todo, segundo dados da prefeitura.Por trás da piora dos indicadores macroeconômicos existem dificuldades deinfraestrutura e, nos últimos três anos, incentivos fiscais agressivos dovizinho Rio de Janeiro. As duas situações provocaram tanto a fuga denegócios como a perda de oportunidades.

cacçador de trutas disse...

O que o Pestaninha tem haver com a ACISPES. É DELE?????

joao disse...

Sr. |Omar, veja o post do mike, de 22/05/09 01:37, nele tem todas as evidencias do fio da meada que falei que falta puxar, para explicar o despejo de dinheiro que o govrno do estado prometeu com a eleição do cu st odio. estou ficando desesperado por não ver nada ser feito com tantas evidencias colocadas em seu blog. precisamos agir.