quinta-feira, 11 de novembro de 2010

ADALBERTO SALGADO SERIA O MAIOR CREDOR DE SYLVIO SANTOS

O empresário da área de finanças de Juiz de Fora, Adalberto Salgado, teria em depósitos, cerca de R$ 600 milhões, junto ao Banco Panamericano, que tem Sylvio Santos como seu controlador.

Logo no inicio da crise vivida pelo banco, Adalberto teria pedido o resgate integral desse significativo volume de dinheiro, quando foi convocado para uma reunião com o próprio Sylvio Santos. Um advogado, também de Juiz de Fora, teria participado dessa reunião. Connsultado, negou sua participação.

Da reunião, acertou-se o resgate de uma pequena parte do dinheiro e, a diferença teria sido paga com a transferência, para Adalberto, de parte da carteira de crédito do banco (basicamente financiamento de automóveis -85% - e, crédito consignado 15% ) .

O banco Panamericano que tem a Caixa Economica como sócia, só não quebrou essa semana porque foi salvo por um empréstimo de R$ 2,5 bilhões, junto à um fundo especial autorizado pelo Banco Central, cujo objetivo é socorrer bancos em dificuldades.

A imprensa nacional traz hoje matérias importantes sobre a possibilidade de fraudes no banco de Sylvio Santos, cuja causa seria a venda de carteira de crédito, por diversas vezes.

Auditoria do Banco Central já está fazendo seu trabalho e, tudo será rigorosamente apurado, ou seja, quem é quem nessa história e, de que forma o banco quebrou.

Ficção, ou verdade, essa noticia deve ser melhor apurada, mesmo a fonte sendo boa. O empresário não deve satisfações a ninguém de seus negócios. Mas trata-se de um caso de repercussão nacional, motivo de manchetes em todos os principais veículos de comunicação do país.

A conferir.

9 comentários:

contador disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
João disse...

Juiz de fora na mídia nacional novamente? daqui a pouco vamos ficar reconhecidos não pela capacidade de influencia politica e economica, mas pela frequente participação em escandalos nacionais, com participação direta ou indireta.

fedoceo disse...

Mais importante que isso é falarmos de uma reintegração de posse que foi realizada as 2 horas da manha. Se já não bastasse o absurdo retirar famílias a esta hora da manha de barracos construídos de madeira, a ação contou com o auxilio de 160 policiais! Meu Deus do céu, será que neste local tinha bandidos ou sem teto? Eu não quero acreditar que o honrado coronel de PM comandante da 4ª região de PM foi conivente com esta atitude.
Esta ação me lembra a atitude do ex-prefeito Melo Reis em 1979 quando tirou a força os moradores do bairro "Teixeira" onde hoje é o parque da Laginha. É assim que se faz um governo para o povo? Que Deus poça perdoar nossos governantes

João disse...

Que me perdoe o sr. Fedoceo, mas, a partir do momento que se fere o direito à propriedade, ou qualquer outro direito do cidadão, estes que agem fora da lei, se não são bandidos, a eles se igualam, e o contingente de policiais se faz necessário para garantir a integridade dos oficiais que cumprem a decisão da justiça de garantir o direito do proprietário do imóvel.
Ilegal e imoral é invadir propriedade que se iguala a roubar.
O dia em que a sociedade, pobre ou rica, respeitar os direitos de seus pares, teremos um lugar muito melhor de se viver.

Rogério de Moraes disse...

PENSANDO BEM É MUITO GRANDE A SEMELHANÇA DO ADALBERTINHO COM O SENOR ABRAVANEL:

AMBOS PERGUNTAM QUEM QUER DINHEIRO???

DEPOIS EMPURRAM AQUELE MONTE DE PAPAGAIO PRA GENTE PAGAR....

Rogério de Moraes disse...

O apresentador de TV e empresário Silvio Santos afirmou que venderia sua emissora, o SBT, caso o bilionário Eike Batista quisesse comprá-la para saldar a dívida que deve ao Fundo Garantidor de Crédito (FGC), após ter emprestado R$ 2,5 bilhões para cobrir um rombo no caixa do banco PanAmericano. A informação é da edição desta sexta-feira da Folha de S. Paulo.

Em entrevista por telefone ao jornal, o apresentador disse não conhecer Eike Batista, que afirmou na quinta-feira ter interesse em adquirir as empresas controladas pelo Grupo Silvio Santos. Ele afirmou ainda que não conhece os funcionários do banco e nem sabe onde fica sua sede.

QUE BOM AGORA SAI A HEBE (COM TODO RESPEITO) E ENTRA A
GOSTOSONA DA LUMA DE OLIVEIRA.
VAMOS COMBINAR QUE ESTAMOS NO LUCRO...
PELO MENOS FICAREMOS LIVRES DA PERUCA DE DENTADURA, QUE SÓ SABE DIZER: GRACHINHA!!!

E AGORA HEBE, "SELIM" SÓ RETIRO DOS ARTISTAS....

fedoceo disse...

Caro João, não sou contrario ao direito a propriedade e muito menos que se cumpra a lei. Mas às 2 horas da manha? Não poderiam esperar para que o sol nascesse?
Barraco ou casa de alvenaria a lei é a lei e o lar é ambiente inviolável das 18 horas até as 06 da manha com uma única exceção: Se houver risco iminente de vida!
Em minha humilde opinião esta ação foi articulada para que se pegasse de surpresa as pessoas que dormiam.
Para finalizar o respeito deve sempre ser exemplificado pelas autoridades constituídas e, nesse caso, a justiça abusou de seu poder. Isso é uma vergonha!
No mais um abraço e parabéns por manter o debate em nível elevado.

Finger disse...

Omar,

Acabou de ser divulgado no site do UOL, confirmando o que vc divulgou. Adalberto Salgado recebia por ano 120 milhões só de juros superfaturados, segundo apurou o Banco Central. Não é a toa que pode comprar uma Ferrari por mês para passear no Shopping Independência, se quiser. Até quando esse mafioso continuará debochando da cara do Juizforano impunemente? Onde está a Polícia Federal?

CONFIRA: http://www1.folha.uol.com.br/mercado/830457-panamericano-pagou-juros-de-r-120-milhoes-a-cliente.shtml

{SONORA®} disse...

Enquanto isso, na justiça do trabalho rolam vários processos contra o Panamericano e que vão sendo postergados pelos advogados do banco , com uma serie de recursos.Acho que esperam a falência do banco para não pagarem os direitos trabalhistas dos empregados como devem. Eles fraudam até os contratos de trabalho, que dirá o resto!